Canal
Geral

Mané Garrincha poderá ser o mais sustentável do mundo

Por: 0 11 de Julho de 2013

O Estádio Nacional Mané Garrincha pode ser o primeiro do mundo a ter a certificação máxima de edificações sustentáveis. O selo platinum depende, apenas, da avaliação de técnicos do Green Building Council (US GBC), organização criada para estimular projetos verdes em todo o planeta e emitir a certificação dessas obras. A expectativa é de que a aprovação seja divulgada até o final do ano, segundo Marcos Casado, diretor Técnico e Educacional do GBC no Brasil.

Ele destacou que os demais estádios cumprem requisitos para o selo básico ou selo ouro. A partir da data de conclusão da obra e a documentação de auditoria entregue, a certificação poderá ser feita entre quatro e seis meses. O local foi inaugurado em 18/05, e, ainda, sediou a partida de abertura da Copa das Confederações 2013. “Desde o início pensamos na possibilidade de uma certificação de nível máximo, que inclui entre 80 e 100 pontos na lista de procedimentos para essa meta”, explicou Eduardo Castro Mello, arquiteto responsável pela obra da arena. O projeto, criticado por ter o mais alto custo entre os estádios nacionais que abrigarão os jogos da Copa das Confederações de 2013 e da Copa do Mundo de 2014, deu prioridade à ventilação natural de ambientes internos para reduzir uso de ar-condicionado. As obras do local foram adequadas para captar e reaproveitar a água de chuva que cai em sua cobertura e em seu entorno, como nos estacionamentos. A água é direcionada para cinco reservatórios de quase oito milhões de litros que vão suprir a irrigação, as descargas e a lavagem do piso. Fonte: Carolina Gonçalves, da Agência Brasil.

Tags: