Canal
Geral

Manaus terá seis ofertas hoteleiras até a Copa

Por: 0 22 de Maio de 2013

Até a Copa do Mundo de 14, Manaus vai contar com seis novos empreendimentos de hospedagem, como hotéis, pousadas e albergues. Serão mais 1.508 quartos para atender ao público que vai passar pela capital amazonense para acompanhar os quatro jogos que serão realizados na Arena da Amazônia e visitar a cidade. O levantamento foi realizado pelo Ministério do Turismo (MTur) e aponta também que, entre as 12 cidades-sede, Manaus é uma das que menos vai receber empreendimentos hoteleiros. [caption id="attachment_292697" align="aligncenter" width="562"] Hotel Tropical Manaus.[/caption]

Belo Horizonte (MG), na liderança, receberá 52. Fortaleza (CE) é a única capital que fica atrás de Manaus com cinco novos empreendimentos, totalizando 594 novos quartos. A expectativa da própria rede hoteleira era maior e alguns empreendimentos desistiram de implantar unidades em Manaus, destaca o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Amazonas (Abih), Roberto Bulbol. Um dos empreendimentos seria construído nas proximidades do Distrito Industrial. A explicação é a dúvida de como os novos hotéis, flats e outros meios hoteleiros serão utilizados após a Copa de 14. “A preocupação é o pós-Copa. O que faremos depois com todos esses hotéis?”, salientou Bulbol. Hoje, a ocupação hoteleira em Manaus varia de 46% a 51%, de acordo com a Abih. A cidade tem 101 empreendimentos e 11.058 leitos, segundo a Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur). A Fifa exige 13.20 leitos. Cada cidade-sede deve ter número de leitos equivalente a 30% dos assentos do estádio onde vão ocorrer os jogos. A Arena terá capacidade para 44 mil torcedores.

Tags: