Canal
Geral

Ligação direta entre Brasil e Cuba

Por: 0 23 de Julho de 2013

Membros do parlamento cubano, que compõem a Delegação de Turismo de Cuba vieram ao encontro do presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Flávio Dino, diretores e assessores do Instituto, no dia (17/07). O objetivo da visita foi trocar experiências relacionadas às atividades turísticas e falar sobre como são desenvolvidas as ações de promoção do turismo nos dois países. Além disso, o grupo estrangeiro veio oficializar o lançamento de uma nova operação.   Como parte das ações para aumentar o fluxo de turistas entre os dois países e de países vizinhos, a Cubana de Aviación começou a operar, na última semana, um voo que liga Havana a São Paulo. “Tínhamos esse desafio de não haver uma conexão direta o que dificultava a relação. Agora com o voo, o desafio foi superado. Esse é um bom momento para trocarmos experiências e avançar em estratégias que beneficiem os dois países”, disse Flávio Dino. “A melhoria da conexão aérea traz possibilidades dos canadenses virem mais ao Brasil, por exemplo”. Aos cubanos, o presidente fez uma breve apresentação sobre a situação do Brasil, destacando a economia do turismo no desenvolvimento das regiões do País. “Quero lhes mostrar nosso potencial turístico e dar um panorama geral da situação em que o Brasil vive hoje, promovendo aqui uma relação bilateral”, completou. A diretora de Mercados Internacionais da Embratur, Leila Holsbach, falou sobre potencializar a oportunidade do novo voo e sugeriu novas parcerias. “Podemos realizar ações conjuntas. Essa parceria nos interessa a partir do momento em que vocês estão mais próximos de mercados mais distantes e que o Brasil pretende atingir, como Canadá e até a Rússia, que tem proximidade política com Cuba”. “Vamos estudar possibilidades de ações de marketing conjunta dos dois destinos, em feiras, eventos e ações de Relações Públicas, tanto no Brasil como no Exterior”, ressaltou Dino. [caption id="attachment_310022" align="aligncenter" width="400"] Presidente da Embratur Flávio Dino (Foto: Ascom).[/caption]

“Gostaríamos de contribuir com a promoção da América Latina e Caribe por meio da união de esforços para que haja uma integração dos destinos”, disse o ministro de Turismo de Cuba, Manuel Marrero Cruz. Cuba apresentou suas estratégias de ação internacional ao Brasil. “Pretendemos diversificar a oferta turística a partir das exigências dos clientes”, destacou o ministro. A apresentação contou com temas como, caracterização e histórico do turismo cubano, regiões turísticas do país, principais mercados, prioridades no turismo, desafios, segurança e estrutura para receber os turistas. “Assim como o Brasil somos um pais hospitaleiro e alegre”, lembrou Manuel Marrero Cruz. “Temos um acordo com a Braztoa (Associação Brasileira das Operadoras de Turismo) que prevê a capacitação de agentes brasileiros para comercializarem pacotes para Cuba. Para isso, contamos também com o apoio do governo e empresários brasileiros”, completou Carlos Zanora Rodrigues, embaixador de Cuba no Brasil.

Tags: