Geral

Geral

Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

João Doria Jr. faz balanço do Fórum de Marketing

Por: 0. 21 de Agosto de 2014

Promovido pelo Grupo Lide - Grupo de Líderes Empresariais, de João Doria Jr., entre os dias 15, 16 e 17/08, no Hotel Jequitimar, no Guarujá (SP), aconteceu o 5º Fórum de Marketing Empresarial reunindo 200 empresários das maiores empresas estabelecidas no Brasil. O Fórum de Marketing Empresarial reuniu 300 executivos das principais empresas e agências de propaganda do Brasil que participaram durante nove horas e 45 minutos de cinco painéis que compuseram o evento que discutiu cases recentes de sucesso e um pouco do que o mercado pode esperar do marketing para os próximos anos.

Foto: Divulgação.
Forum de Marketing Empresarial - Joao Doria Case Nestlé Lilian Miranda, vice-presidente de Marketing e Comunicação da Nestlé, abriu o ciclo de palestras contando o desafio da empresa para atender um pedido dos consumidores: a volta do chocolate KitKat ao mercado brasileiro. Miranda apresentou a estratégia que resultou na consolidação da marca KitKat como líder de vendas entre os chocolates Nestlé e como o fortalecimento do relacionamento da marca com o segmento jovem garantiu crescimento de 65% em participação de mercado. Case SKY Luiz Eduardo Baptista, presidente da SKY, revelou pela primeira vez no Fórum de Marketing alguns dos números impressionantes da empresa, que hoje é líder no mercado de TV paga em alta definição: faturamento de R$ 10 bilhões previsto para 2014, base de seis milhões de assinantes, que se somam a mais de dois milhões de usuários do serviço SKY Livre, reflexo de um crescimento de 1.500% nos últimos oito anos. Case Maurício de Souza Produções Mauricio de Souza, cartunista e empresário, criador da Mônica, Cascão e Cebolinha, contou como os obstáculos do início da carreira ajudaram a moldar a Maurício de Souza Produções, hoje uma das maiores empresas de histórias em quadrinhos do mundo e responsável pela revista em quadrinhos de maior tiragem do planeta. E que fornece revistas até para o governo da China. O criador da Turma da Mônica ainda criticou o excesso de regulamentações brasileiro, que restringe associações de personagens a marcas de consumo. “Proibir é a pior coisa. A intenção é boa, mas a proposta está errada”. Case Itau Copa Fifa Andrea Cordeiro, diretora de Marketing do Itaú Unibanco, falou sobre o sucesso da vinheta que ganhou o gosto dos brasileiros durante o campeonato se transformou na “música da Copa”. “Passamos mais de um ano escolhendo músicas, descartamos mais de 10 opções, algumas bregas, outras cafonas. É difícil encontrar uma música boa, assim como transformá-la em hit e mais difícil ainda fazer as pessoas cantarem”, contou a executiva, lembrado que o banco conseguiu o que toda empresa procura em um patrocínio: com a música, a associação entre o evento e marca Itaú foi percebida e amplamente disseminada. Case Grupo ABC Nizan Guanaes, Chairman do Grupo ABC e um dos nomes mais celebrados na publicidade internacional, foi enfático ao defender que o marketing brasileiro precisa tirar mais proveito da “marca Brasil” para aproveitar ainda mais seu potencial. O publicitário e empreendedor listou os “10 passos para o Brasil se tornar global”, destacando que, “Se o brasileiro consegue ter sucesso mesmo em cenários em constante mudança e amplamente desfavoráveis, cm altíssima carga tributária e leis do século passado, precisa aproveitar isso para ter coragem de competir globalmente”. Veja o depoimento de João Doria Jr. sobre o resultado final do Fórum de Marketing Empresarial aqui.

Tags: