Canal
Geral

Jazzmasters dá o tom de sobriedade no ano da Copa

Por: 0 19 de Março de 2014

No ano em que a bola e os gramados estarão em destaque, um projeto musical inovador e de tendências promete entretenimento de altíssima qualidade nos palcos paulistanos. É o projeto Jazzmasters 10 Anos Ao Vivo, programa musical que chega ao seu décimo ano no ar. De março a dezembro, dez dos melhores shows internacionais em exibição no mundo estarão no Brasil em audições inéditas e ao vivo nos Palcos do Tom Jazz e HSBC. Segundo Paulo Mai, empresário e apresentador de rádio e sócio da plataforma Jazzmasters 10 Anos Ao Vivo, "Tendências Jazzmasters" será o único circuito que reunirá jazz, soul, acid jazz e groove ao vivo, unindo mídia + live marketing, e proporcionando momento de entretenimento inesquecível às marcas e ao público. "Traremos grandes nomes aos palcos brasileiros oferecendo espetáculos diferenciados aos amantes da boa música. O Jazzmasters conta com mais de três milhões de fãs cadastrados no Brasil em dez anos, e com 110 mil ouvintes por minuto em 25 emissoras de rádio espalhadas pelo País", ressalta Paulo Mai. "Sherry Dayane, Zara Macfarlane, Alice Russel, Ryam Shaw, Giovanca e Lisa Simone, apontados pela crítica como novos expoentes do cenário jazzístico estão cotadas para estes shows inéditos no Brasil, completa Mai. [caption id="attachment_344058" align="alignleft" width="560"] Sergio Leal, Paulo Mai e Paulo Leal trazem os grandes nomes do jazz mundial ao Brasil em 2014  (Foto: Divulgação/Jazzmasters).[/caption] A coordenação do projeto conta também com Thiago Amorim, do Grupo Tom Jazz, juntamente com Sergio Leal e Paulo Leal, produtores da Broadway Brasil. [caption id="attachment_37587" align="alignleft" width="320"] Paulo Leal.[/caption] Para Paulo Leal, que acompanha de perto o mercado promocional, de live marketing e de incentivo há 16 anos, o Jazzmasters é uma excelente plataforma a ser avaliada no planejamento de marketing de 2014. "Além de assinarem um plano de divulgação de mídia amplo e ativações presenciais abrangentes associadas a uma iniciativa premium, as empresas têm a oportunidade de utilizar estes espetáculos únicos para criação de plateias exclusivas, e, desta forma, agregarem ações diferenciadas em seus programas de incentivo e relacionamento", declara Paulo Leal.    

...

Veja mais informações no site do projeto

jazz

Tags: