Canal
Geral

Jaraguá do Sul comemora Dia Internacional da Dança

Por: 0 25 de Abril de 2014

O Dia Internacional da Dança será comemorado no dia 29/04, mas a Fundação Cultural de Jaraguá do Sul conta com programação de quatro dias para lembrar do evento. A primeira ocorre hoje (25/04), na escola de dança Dançar A2, na Rua Reinoldo Rau, 285, com duas oficinas da professora Laura Hanna Seechis; uma de Dança Contemporânea, das 19 às 20 h; outra de Jazz, das 20 às 21h. A programação também contempla uma série de apresentações envolvendo 13 grupos em diversos locais da cidade no sábado e domingo (26 e 27/04) e na terça-feira (29/04). dia internacional da danca em jaragua do sul   Para o sábado (26), da 9h às 11h30, estão previstas seis apresentações, que ocorrem em frente ao Museu Histórico Emílio da Silva, na Avenida Marechal Deodoro da Fonseca, 247. À tarde, das 14 às 17h, no Parque Malwee, durante o encontro do Clube Automóveis e Antigos Jaraguá do Sul (Caajs), serão outras sete apresentações. No domingo (27), das 15 às 17h, ocorrem outras seis atrações, desta vez próximo da FC, na Avenida Getúlio Vargas, 405. Para a terça-feira (29/04), estão programadas mais 11 participações, divididas em três turnos: das 9h15 às 10h, no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC); das 11h30 às 12h30, no Angeloni da Rua Bernardo Grubba; e das 20h20 às 20h40, no Centro Universitário Católica de Santa Catarina. A Rede Feminina de Combate ao Câncer recebe oficina de dança de salão com os professores Omar e Marli Forte. Os mesmos promovem aula de forró no Angeloni, a partir das 08h. História do Dia da Dança O Dia Internacional da Dança ou Dia Mundial da Dança foi instituído pelo Comitê Internacional da Dança da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco), em 1982. A data lembra o nascimento do francês Jean- Georges Noverre (1727-1810). Ele buscava a expressividade da dança por meio da pantomima, que busca a simplificação na execução dos passos e sutileza nos movimentos. Noverre também é destaque na história da dança pelo conjunto de cartas sobre o balé de sua época, “Letters sur la Danse”. Entre os brasileiros, a data também é associada ao aniversário de Marika Gidali, bailarina que, com Décio Otero, fundou o “Ballet Stagium”, em 1971, em São Paulo.

Tags: