Geral

Geral

Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Inter garante reparos pedidos pelo MP

Por: 0. 30 de Abril de 2014

O Internacional de certa forma admitiu publicamente a culpa por não ter ajeitado ainda todos os pontos combinados sobre a acessibilidade no Beira-Rio. O vice-presidente de administração, José Amarante, no entanto, promete que todas as obras de adequação previstas no Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado com o Ministério Público (MP) gaúcho estarão prontas até a sexta-feira (02/05). “Estive tentando contato com o promotor Seabra durante todo o dia e não obtive sucesso. Nós vamos definir todas as adequações até a sexta-feira. Para o jogo de domingo estará tudo pronto”, garantiu Amarante.

Foto: Diego Vara.
[caption id="attachment_393727" align="aligncenter" width="562"]Portadores de necessidade especiais têm dificuldade para entrar no Beira-Rio. Falhas na acessibilidade prejudica portadores de necessidade especiais.[/caption] No final da manhã do dia 29/04, o Ministério Público do Rio Grande do Sul se manifestou, na figura do promotor José Seabra Mendes Júnior, e pediu para a Justiça que cobre multa diária de R$ 64 mil por descumprimento do TAC, desde o dia 06/04. Também solicitou multa de R$ 1,65 milhão por jogo da Copa que a acessibilidade tiver problemas. A acessibilidade vem sendo um problema recorrente no Beira-Rio. Depois de torcedores reclamarem do posicionamento no jogo com o Caxias, para apenas dez mil pessoas, outros colorados também fizeram críticas ao espaço da arquibancada superior. Serão 128 pontos para pessoas portadoras de necessidades especiais em todo o estádio.

Tags: