Canal
Geral

Goiânia no centro do turismo brasileiro

Por: 0 12 de Maio de 2011

Goiânia será mais uma vez o palco central de investimentos do turismo brasileiro com a realização da 20º Centro-Oeste Tur Salão de Negócios Turísticos 2011, que acontece hoje (12/05), no Oliveira’s Place. A expectativa de investimentos com o Salão de Negócios para este ano é de R$12 milhões. O Centro-Oeste Tur é o maior evento profissional de turismo da região e está entre as cinco maiores do Brasil. Participam 1.200 agentes de viagem de Goiás, Distrito Federal, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Triângulo Mineiro e Tocantins.

Presentes também as principais operadoras de Turismo do País, como New Age Tur, Iberoservice, WT Tours, Visual, Discovery The World, TKA Operadora , Flytour, RCA Turismo, Taks Tour, Tourlines Operadora, dentre outras e representantes de companhias aéreas, resorts e redes hoteleiras de 18 Estados brasileiros. A coordenadora do evento e diretora da Promove Eventos Especiais, Maria Silva de Moraes, explica que este é o maior evento profissional do setor porque oferece aos agentes tudo o que há de mais moderno de instrumentos de turismo e pacotes para o Brasil e mundo. “O Salão de Negócios faz girar este montante de investimentos (R$12 milhões) a médio e longo prazo porque apresenta o produto (turismo) diretamente aos intermediários, que são os agentes de viagens, que vão por sua vez atender aos turistas. Esta é uma feira segmentada, voltada para eles”, detalha. Durante as cinco horas de evento, das 12h30 às 19h30, os participantes terão acesso ao complexo de estandes com 420 expositores que vão apresentar as novidades de destinos, roteiros e pacotes de viagens especialmente para a próxima temporada. Bahia, Santa Catarina, Mato Grosso, Paraíba, Rio grande do Sul, Alagoas, Rio de Janeiro Pernambuco, São Paulo, Paraná e Brasília registram a participação utilizando o evento como vitrine para divulgar seus produtos. Maria Silva ainda explica que este Salão de Negócios em Goiânia, sempre realizado em maio, é o marco para os negócios de turismo para as temporadas do ano. “A nossa feira é o ponta-pé dos negócios para a temporada pois a data foi escolhida estrategicamente. Inclusive, não são vendidos pacotes apenas para julho, dezembro também se tornou alvo dos turistas que estão cada vez mais atentos e se preparando sempre antes para as suas viagens”, completa. Também coordenadora de mais dois eventos do mesmo porte no Distrito Federal e Minas Gerais, Maria Silva de Moraes afirma que a modalidade regional de evento é de suma importância para o Estado e para o Centro-Oeste.

Tags: