Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Feira do Artesanato Mundial chega a Goiânia

Por: 0. 2 de Maio de 2013

A beleza da cultura popular brasileira por meio do artesanato e o contato com manifestações artísticas de diversos países poderão ser conferidas na quinta edição da Feira do Artesanato Mundial - FAM, que acontece de 26/04 a 05/05, no Centro Cultural Oscar Niemeyer, em Goiânia. Num mesmo local, visitantes poderão fazer uma verdadeira viagem por meio do artesanato, presente na moda, decoração e até na gastronomia. E o melhor: opções de compras adquiridas diretamente do artesão, somadas a costumes e produtos que refletem as origens de diferentes povos e características de cada uma das culturas representadas na mostra.

Cerâmicas da Tunísia, tapeçarias da Índia, rendas da Síria, porcelanas da Turquia, bonecas típicas da Rússia, além de artesanatos vindos diretamente do Equador, Colômbia e Peru são algumas das atrações internacionais. Traços marcantes da cultura brasileira de Estados como Pernambuco, Ceará, Minas Gerais e Rio Grande do Sul também poderão ser conferidas no espaço. Como destaque, o artesanato produzido em Goiás estará representado num espaço de 150 m2, sob a coordenação da Central do Artesanato Goiano, programa da Secretaria de Estado de Indústria e Comércio.

Peças de artesãos de cidades de Anápolis, Pirenópolis, Hidrolândia, Piracanjuba, Cristalina, Cidade de Goiás, Orizona, Jataí, Caiapônia, Uruaçu, bem como peças de artesãos do Entorno (Cidade Ocidental, Valparaíso de Goiás, Luziânia), além da representação do artesanato da comunidade Kalunga de Cavalcante e outras, que refletem parte da identidade cultural do Estado, estarão representadas na FAM.

Objetos de decoração em madeira, argila, fibra vegetal, tecelagem, artesanato mineral, além dos produtos típicos como doces, cachaças, geleias, creme de pequi e óleos essenciais serão comercializados no local. O Girau de Saberes, da Universidade Federal de Goiás, também estará presente no evento com um espaço temático. O projeto promove a organização de grupos de trabalhos em torno da produção artesanal coletiva em comunidades Quilombolas, no território Kalunga.

Mais de 70 mil visitantes são esperados na Feira, que além de 90 estandes, oferecerá um espaço gastronômico e apresentações de danças culturais de regiões brasileiras e de outros países.

Todos os estandes irão aceitar cartões de crédito. Os produtos à venda variam de R$ 5,00 a R$ 3.000,00,  com exceção dos móveis artesanais, que têm preços diferenciados. “O evento é uma oportunidade para fomentar e promover a difusão do artesanato como importante ferramenta de geração de renda, emprego e educação ambiental e, como conseqüência, o intercâmbio de culturas”, explica a diretor presidente da Charph Eventos, Charlton Gallisa.

 

Tags: