Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Evento de marcas será sediado no Nordeste

Por: 0. 9 de Abril de 2013

Pela primeira vez, o evento “As Marcas mais Valiosas do Brasil” será sediada no nordeste. O estudo, que já está na sua sétima edição no Brasil, apresenta uma análise detalhada sobre as marcas globais mais valiosas do planeta, e, a partir deste ano, as marcas mais valiosas da América Latina. O trabalho é realizado pela BrandAnalytics/Millward Brown e coordenado pelo Grupo WPP.  O evento é promovido pela Uninassau e Agência UM, com apoio da Brand Analytics,  WPP Group e revista IstoÉ Dinheiro. O evento acontece no Recife, dia 16/04, no Empresarial JCPM, no Pina, e reunirá CEOs/gestores de empresas, diretores de marketing, diretores de comunicação de grandes empresas do Nordeste, agências de comunicação e publicidade e assessorias de imprensa da região para a apresentação de palestras internacional e nacional. Instituto Millward Brown  O ranking é elaborado a partir de uma pesquisa de mercado realizada pelo Instituto Internacional de Pesquisas Millward Brown com 14.800 entrevistados mensurando a força das marcas para os consumidores. “A partir do entendimento da força da marca e percepção de diferenciais competitivos, selecionamos asmarcas brasileiras que são, necessariamente, empresas de capital aberto. Ou seja,para a marca ser listada entre as mais valiosas, ela precisa pertencer a uma empresa que é listada em Bolsa de Valores”, explica Tomiya. A Petrobras, Bradesco, Itaú, Skol, Banco do Brasil, Natura, estão entre as empresas e instituições que figuram no ranking que classifica as marcas mais valiosas do País em 2012. Para formular o ranking, o instituto considera o valor das ações das empresas no mercado e o desempenho financeiro (valor dos ativos tangíveis, rentabilidade e liquidez das operações). O estudo também analisa os dados de mercado e a contribuição da marca (como conhecimento,preferência, satisfação, lealdade) para elaborar o ranking final das marcas mais valiosas do Brasil. O estudo inclui a percepção de analistas e investidores do mercado financeiro.

Tags: