Canal
Geral

Equipotel em detalhes por Kátia Castro

Por: 0 17 de Setembro de 2011

Kátia Castro, diretora superintendente da Equipotel – que aconteceu em São Paulo entre os dias 12 e 15/09 – em entrevista  ao Promoview, explica como é organizar uma feira que está entre as cinco maiores do mundo no setor. O evento é um polo de negócios e relacionamentos fundamental para o sucesso de empresas dos setores de hotelaria, gastronomia, alimentação e turismo. Na edição 2011, a Equipotel realizou quatro eventos simultâneos: a Equipotel Conference, a Equipotel Design, a Equipotel Food&Drinks e a Arena Gastronômica. Promoview: Como é o processo para selecionar tantas tendências de um mercado em uma única feira? Como é pesquisado o segmento de hotéis? Kátia Castro: Nosso contato com o segmento de hotéis é constante durante todo o ano por intermédio das nossas ações em comunicação, newsletter, revista Hotel News e edição on-line da revista Hotel News. Recebemos as informações diretamente das fontes: os hoteleiros. Além disso, recebemos também releases e comunicação de tudo aquilo que esse mercado está promovendo, projetando e realizando. A Equipotel se traduz nessa diversidade de tendências e multisegmentos porque precisamos ter em nossa feira tudo o que o visitante precisa encontrar para abastecer o seu empreendimento. Promoview: Há quanto tempo existe o evento e como começou? Quais os principais diferenciais trazidos ano após ano? Kátia Castro: A Equipotel existe há 49 anos e começou junto com o congresso nacional de hotelaria sendo realizada cada ano em uma cidade. A primeira feira foi realizada na Bahia com dezessete expositores em 350m². Ao longo desses anos ela cresceu e fixou-se em São Paulo, desde 1982, e hoje ocupa 60 mil m². Promoview: Como você vê o mercado promocional brasileiro, no campo do turismo e da hotelaria? O que você sente falta em termos de serviços oferecidos? Kátia Castro: O mercado promocional é bem completo, amplo e atende perfeitamente. Temos oferta de todo tipo de serviço com qualidade, seja por meio do receptivo, proporcionado ao turista, seja ele vindo de turismo de negócio, lazer, ecológico, religioso, cultural ou aventura, o melhor atendimento para o seu objetivo. O que realmente falta para termos um turismo em boa promoção é a melhoria na infraestrutura dos serviços, sejam de aeroportos, rodoviários, terminais rodoviários, segurança, transporte público e outros. Promoview: Qual o impacto das redes sociais neste contexto, e de que forma a Equipotel já o sente no evento? Kátia Castro: As redes sociais são importantes ferramentas para qualquer atividade empresarial. Por meio delas você pode alcançar seu público com rapidez exponencial, agilizando os contatos, resultados e sucesso em qualquer ação que se faça necessária. Promoview: Quantas pessoas foram recebidas na edição 2011 do evento? Quantos são foram os expositores e estandes? Kátia Castro: Recebermos 50 mil visitantes qualificados (profissionais das áreas atendidas na Equipotel e estudantes da mesma) durante todo o evento. Foram 672 estandes e 1384 empresas expositoras.

[caption id="attachment_144572" align="aligncenter" width="286" caption="Kátia Castro, diretora superintendente da Equipotel."][/caption]

Tags: