Canal
Geral

Entidades filantrópicas terão espaço no Festival do AM

Por: 0 20 de Agosto de 2014

Além das atrações artísticas, o 58º Festival Folclórico do Amazonas vai contar com uma praça de alimentação com 30 barracas de instituições sem fins lucrativos e que desenvolvem ações de assistência social no Estado. Para o secretário estadual de Cultura, Robério Braga, a participação das instituições filantrópicas é reflexo do crescimento da festa. “A ajuda às instituições filantrópicas é mais uma maneira de fazer com que o público tenha participação ativa na festa. Agora, além de assistir lindas apresentações, os frequentadores poderão ajudar quem realmente precisa”, explica.

Foto: Divulgação.
Festival folclorico do amazonas_foto_divulgacao Toda a arrecadação com a venda de alimentos durante o festival, que inicia na próxima sexta-feira (22), será revertida às 30 instituições sem fins lucrativos. De acordo com a titular da Secretaria de Estado da Assistência Social e Cidadania (Seas), Graça Prola, os representantes dessas instituições receberão apoio do Estado, mas ficarão responsáveis pela preparação dos pratos e venda das bebidas. “Esta é uma oportunidade ideal para que essas entidades captem recursos para que possam dar continuidade aos seus projetos”, comenta. Todas as instituições já estavam previamente cadastradas na SEC. No dia 19 de agosto, representantes do governo e prefeitura se reuniram com as secretarias que participarão do festival para  definir os últimos detalhes para a realização da festa, que vai acontecer diariamente até o dia 15 de setembro. Foram esclarecidos pontos como horários de ônibus, perímetro de segurança, pontos de atendimento à saúde e atuação do corpo de bombeiros. Este ano, 113 grupos folclóricos apresentarão danças tradicionais, além de dez bumbás divididos nas modalidades tradicional e regional e ainda os três bumbás master – Brilhante, Corre Campo e Garanhão. Desses grupos, 86 estão competindo na categoria ouro e 40 na prata. O festival é uma realização do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Cultura (SEC) e da Prefeitura de Manaus através da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (ManausCult).

Tags: