Canal
Geral

Embratur ativa eventos no Brasil na Imex America

Por: 0 10 de Outubro de 2011

A OMT (Organização Mundial de Turismo) aponta que até 2020 serão mais de 1,6 bilhão de pessoas viajando pelo mundo e que as atividades turísticas que mais se desenvolverão serão: eventos, incentivo e aventura. De olho nesse segmento crescente e rentável, a Embratur participa da Imex America 2011, que acontecerá entre os dias 11 e 13/10 de outubro, em Las Vegas, nos Estados Unidos. O diretor de Produtos e Destinos da Embratur, Marco Antonio Lomanto, explica que a participação do Brasil no evento é estratégica. “Os Estados Unidos são o segundo principal emissor de turistas para o Brasil. Em 2010 foram 641.377 visitantes, número superior ao de 2009, quando 603.674 turistas norte-americanos estiveram no País”. Lomanto ressaltou também que 32,1% dos visitantes vindos dos Estados Unidos em 2009 visitaram o Brasil por motivo de negócios, eventos e convenções, segundo o Estudo da Demanda Turística Internacional, realizada pelo Ministério do Turismo. A Imex America 2011 é novidade no panorama internacional de feiras direcionadas ao segmento M.I.C.E.Meetings, Incentives, Conventions and Exhibitions (encontros, incentivos, convenções e feiras). A exposição também agrega fóruns focados e tem um programa de reuniões pré-agendadas, que propõem a criação de uma rede de relacionamentos entre profissionais qualificados. Segundo os organizadores, o expositor terá a oportunidade de apresentar seus produtos e realizar negócios. Oportunidades para o Brasil

    [caption id="attachment_148955" align="alignleft" width="186" caption="Marco Antonio Lomanto."][/caption] No último dia 27/09, a Embratur realizou, em Brasília, reunião para validar ações do segmento de incentivo, a serem implementadas especialmente para a realização dos megaeventos esportivos – Copa do Mundo Fifa 14 e Olimpíadas Rio 16. Especialistas do segmento estiveram presentes no evento para debater os temas de interesse do setor. Durante a reunião, foi apresentado estudo elaborado pela Unesco, que define estratégias e ferramentas para a promoção de viagens de incentivo internacionais pelo Brasil. “Iniciamos um debate com o trade sobre as necessidades do setor, para trabalharmos, juntos, pelo desenvolvimento do Turismo de Incentivo no País”, explica Marco Lomanto, diretor de Produtos e Destinos da Embratur.

    Tags: