Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Eisenbahn realiza Concurso Mestre Cervejeiro

Por: 0. 29 de Maio de 2015

A Eisenbahn, cerveja especial que pertence ao portfólio da Brasil Kirin, sempre procurou valorizar a autêntica cerveja. Por isso, desde 2007, realiza o Concurso Mestre Cervejeiro, o primeiro realizado por uma cervejaria brasileira. Já estão abertas as inscrições para a sexta edição do concurso da marca, desenvolvido pela terceira vez consecutiva pela Mood, contando com a curadoria do Instituto da Cerveja Brasil. No concurso, apenas cervejeiros caseiros podem participar com cervejas de sua autoria. A cada ano diferentes estilos de cerveja são avaliados. Diversos profissionais ligados à área cervejeira como jornalistas, mestres cervejeiros, comerciantes de cerveja, entre outros, são convidados a compor o júri. mestre cervejeiroTodas as cervejas são avaliadas em degustação às cegas e nenhum juiz tem acesso às informações referentes ao autor da cerveja. Para realizar a inscrição, basta acessar o site. Ela poderá ser feita até o dia 15 de junho, ou até completarem as vagas. Diferente do ano passado, as inscrições serão limitadas e serão considerados apenas os primeiros 1000 inscritos. Este ano, o concurso traz uma novidade para os participantes. Com a inscrição confirmada, os cervejeiros caseiros poderão acompanhar pelo site da marca, todo o processo de avaliação da sua cerveja, desde o momento do envio, até o julgamento final. O vencedor do concurso será revelado em março de 2016. Os jurados serão convidados pela Brasil Kirin. Eles serão responsáveis em escolher a melhor Irish Red Ale – estilo definido pelos consumidores por meio de votação pelo site da cervejaria em março deste ano. O criador da melhor Irish Red Ale, tem sua receita produzida pela Eisenbahn como edição limitada, escolhe o nome da sua cerveja e contribui na elaboração do rótulo, além de assiná-lo. O vencedor do concurso será revelado em um grande evento realizado pela marca. A Irish Red Ale é uma cerveja complexa e bem elaborada. Uma de suas principais características está na aparência cuja cor é âmbar a cobre avermelhado profundo. Quanto ao aroma, o malte deve ser de baixo a moderado e o lúpulo, geralmente é ausente ou muito baixo. No sabor, o dulçor é moderado de malte caramelo, ocasionalmente com um tostado amanteigado ou lembrando toffee. Seu final deve ter um leve gosto de grão torrado, que trará uma típica secura no final. O sabor do lúpulo também não deve se destacar. No ano passado, o vencedor foi Anderson Faller, responsável por produzir a melhor Belgian Blond Ale, nomeada de Eisenbahn Ventura. Em 2013, foi a vez de Fabert Araújo, cuja receita de American India Pale Ale, designada como Frosty Bison, foi escolhida como a vencedora. Já na terceira edição do concurso, em 2009, quem levou a melhor foi o cervejeiro Sandro Sebastião que teve uma Dubbel escolhida como a melhor cerveja caseira, a São Sebá. O segundo concurso, aconteceu em 2008, e o vencedor foi Ivan Steinbach, dono da receita de uma Porter, nomeada como Joinville Porter. Em 2007, a primeira edição presenteou o cervejeiro Leonardo Botto que produziu uma Belgian Dark Strong Ale, a icônica A Dama do Lago. Confira abaixo o vídeo da ativação:    

Tags: