Canal
Geral

Durex dita a sorte sexual dos tailandeses

Por: 0 15 de Junho de 2012

Como comunicar uma marca de preservativos num país em que os jovens não se sentem à vontade para falar sobre sexo? Ou pelo menos, não em público. Foi este o desafio com que a marca Durex se deparou na Tailândia. Conhecendo a tendência cultural tailandesa de querer saber o futuro, a marca resolveu fazer uma ativação em bares recorrendo à ajuda de uma vidente. Claro que conhecer a sua sorte é o calcanhar de Aquiles dos tailandeses, mas e se a sorte ditada for a sexual? A agência Ogilvy Taipê criou a Xerud, uma máquina de sampling que incluia a previsão do futuro sexual dos consumidores. A adesão foi tanta que a vidente entregou 50 amostras por hora a mais do que o normal conseguido pelas promotoras de rua. E os tailandeses, pelo menos por uma noite, se desinibiram e falaram sobre sexo. Veja a Xerud em ação:

Tags: