Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Dot Promo cria “Se liga, fera”, e alerta para segurança de motociclistas.

Por: Assessoria. 3 de Outubro de 2016

Os motociclistas da capital e principais regiões do interior de Pernambuco estão recebendo até novembro um programa inédito de conscientização e orientação sobre pilotagem segura e respeito às normas e regras de trânsito, realizada pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – Abraciclo, com o apoio institucional do Governo do Estado

. Por meio de ações multimídias, muita criatividade e interatividade com seu público-alvo, a iniciativa pretende atingir 1,2 milhão de pessoas com mensagens positivas, visando à redução de acidentes.

“Este programa da iniciativa privada chega em momento muito oportuno, já que está totalmente alinhado com os esforços bem-sucedidos do governo do Estado na redução dos acidentes de trânsito, como mostram os resultados positivos obtidos com a intensificação das blitzes da Lei Seca e as ações do Departamento Estadual de Trânsito – Detran. A Abraciclo quer contar com o envolvimento de todos para alcançar uma cidadania consciente e responsável, onde o respeito à vida esteja presente no dia a dia, e este deve ser o compromisso de cada cidadão, poder público e empresários.

TRÊS PILARES -  Intitulado “Se liga, fera”, o programa é composto de três pilares. O primeiro pilar envolve ampla campanha em rádio, jornal, outdoor, mídia-táxi, blitzes educativas, ações de rua e redes sociais (#SeLigaFera), com alertas e dicas sobre o comportamento correto no trânsito e tendo como público-alvo os motociclistas e condutores de ciclomotores das classes socioeconômicas C, D e E.

A campanha foi criada e será executada pela agência pernambucana Dot.Promo, contratada pela Abraciclo para dar o tom totalmente estadual, além de popular, ao programa.

A gíria Se Liga muito popular entre o público foi a escolhida para o slogan, que fala diretamente para o condutor e comunica a importância de estar atento no trânsito. Ela ficou casada com uma outra, o Fera que significa no caso ter uma direção responsável e consciente.

 

Além disso, as peças receberam mensagens de uso do dia a dia do público alvo. Frases como: “Cuidado para não se abestalhar no trânsito”; Vamos falar sem arrodeio? Motociclista que é massa respeita a vida”; “Não se aperreie! Pode pilotar com segurança”; “Tá com a gota. Pra quê essa pressa toda?”; “Motociclista que é arretado usa capacete”; “Não seja metido a cavalo do cão. Respeite o trânsito” e “Motociclista, bota o capacete e pilota com segurança”, serão vistas pelo público.

 

O segundo pilar está baseado na avaliação de mais de 20 itens de segurança das motocicletas, orientações sobre pilotagem segura e frenagem eficiente e informações sobre a necessidade de respeito às normas e regras de trânsito, numa iniciativa com a participação direta das redes de concessionárias de motocicletas das marcas associadas à entidade. Esta ação tem como base o programa MotoCheck-Up, que a Abraciclo realiza nacionalmente desde 2008 e já atendeu a mais de 35 mil motociclistas em várias cidades do País, inclusive Recife, em 2011.

 

O terceiro pilar está focado em palestras de especialistas, especialmente criadas para conscientizar adolescentes e jovens de 15 a 18 anos, que serão ministradas em escolas de ensino médio no Recife e seis cidades do interior, para mostrar de forma descontraída e interativa como se deve conduzir de forma segura os veículos de duas rodas, tanto bicicletas como motocicletas.

 

As cidades priorizadas pelo programa são Recife, Caruaru, Garanhuns, Arcoverde, Salgueiro, Araripina e Petrolina, que estão nas regiões onde foram registrados os mais altos índices de acidentes envolvendo motociclistas nos últimos anos. O programa se completa com o percurso de um caminhão-carreta no roteiro destas cidades para ministrar treinamento itinerante sobre técnicas de pilotagem aos motociclistas de todo o Estado.

 

“O programa representa mais um importante investimento dos fabricantes de motocicletas e ciclomotores associados à Abraciclo para a conscientização e orientação dos condutores de veículos de duas rodas sobre a necessidade imediata de mudança de comportamento. Temos certeza de que a redução dos acidentes pode ser alcançada a partir da educação e esta é a nossa contribuição para que seja iniciado um novo ciclo, onde a conscientização e a capacitação dos condutores resulte numa mobilidade mais segura e eficiente para todos”, diz Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo.
 

Tags: ares-e-imilares | motocicletas | ordeste-rasil | esponsabilidade-ocial | romo-o-de-endas | veillon