Canal
Geral

Container com negócios rentáveis na ABF

Por: 0 13 de Junho de 2011

A ideia de passar a noite dentro de um antigo container de porto é no mínimo inusitada. Esse é o novo projeto da gaúcha Container. “Nós temos uma barreira cultural. Mas as pessoas preferem um hotel mais barato desde que tenha conforto”, diz André Krai, diretor da empresa. Criada há dois anos, a franquia comercializa os espaços para lojas e investe agora em hotéis contêineres, empreendimento que foi lançado na ABF Franchising Expo 2011, que encerrou no dia 11/06, em São Paulo. A ideia veio depois que Krai viu uma ação de marketing em Cingapura usando um container. De lojas, os espaços viraram também úteis para suprir a demanda por leitos no Brasil. “Vi esses modelos em Amsterdã e na França, mas nesses lugares os contêineres serviam como abrigos. O diferencial é fazer um hotel com conforto”, explica. Os curiosos hotéis, segundo Krai, serão feitos com contêineres com mais de 20 anos. Eles serão reciclados e preparados para imitar um quarto de hotel com materiais ecologicamente corretos. Apesar de não ser o ideal para uma lua de mel, o conceito do projeto é de hotéis baratos que vão lucrar com a demanda de Copa de Mundo e dos Jogos Olímpicos. “Os hotéis são móveis, por isso, podem atender a demanda em um local, como a da Copa, e depois ser levado a outro terreno”, conta. Krai investiu R$ 3 milhões para começar a empresa e projeta um faturamento de R$ 20 milhões para o próximo ano com a abertura de novas unidades tanto de lojas quanto de hotéis. O foco da rede de 40 lojas está no Rio Grande do Sul, mas a meta é alcançar 100 franquias em todo o País. Quem ficou interessado em abrir uma franquia de hotel, precisa ter disponível entre R$ 700 mil e R$ 2 milhões de reais e um espaço de, no mínimo, 1,5 mil metros quadrados. A primeira unidade deve ser aberta em Ribeirão Preto (SP), em novembro. Ainda neste ano, a cidade de Macaé (RJ), também vai receber um empreendimento. “Nossa meta é chegar a 30 franquias do hotel até a Copa do Mundo”, diz. Com diária sugerida de R$ 69, o hotel fica pronto em 60 dias e o retorno do investimento deve acontecer em 3 anos. O capital necessáro para abrir uma franquia de loja no formato contêiner é de R$ 79 mil reais e o retorno é calculado para acontecer em até 2 anos. Fonte: Priscila Zuini/Revista Exame.

Tags: