Canal
Geral

Consumidor se rebela na China

Por: 0 17 de Março de 2011

Quem pensa que é só no Brasil que os consumidores têm feito uso das redes sociais para protestarem contra alguma marca se engana redondamente. Nos países do primeiro mundo as empresas também falham e, em consequência, as pessoas usam de todas as formas que dispõem para terem seus direitos garantidos. Utilizando o mote do Dia Mundial dos Direitos do Consumidor ou World Consumer Rights Day, o proprietário de uma Lamborghini Gallardo L140 luxury resolveu demonstrar o seu descontentamento com o serviço de assistência da empresa destruindo seu próprio carro, na China. O consumidor contratou pessoas para destruirem publicamente o carro após uma falha que ocorreu, em seguida à uma revisão numa oficina oficial da marca.

Pelo jeito essa moda vai pegar. Será que vale a pena? Comente.

Tags: