Canal
Geral

COMO FAZER MAIS COM MENOS

Por: 0 29 de Junho de 2014

Participamos de uma concorrência recentemente, onde havia um pedido de “fazer mais com menos”. Para atender o desafio, pensamos que precisaríamos nos superar e sair desta premissa. Então adotamos um briefing de “fazer mais com mais”.  Assim os termos redução, diminuição, não participariam das nossas reuniões de brainstorm.

Nesta hora, um bom planejamento e criatividade são fundamentais para que o trabalho atinja as expectativas. E a função de cada gestor: de planejamento, criação, atendimento e produção é de desafiar e envolver a sua equipe nesta jornada, sugerindo soluções baseadas em “mais com mais”.

fora-da-caixa fazendo mais com menos

Sempre acreditei que o “bem traz o bem”, ou seja, porque não aplicar isto no “mais com mais”, com compromisso de gerar “menos”. Menos custos, menos refrações, menos atritos, menos dores de cabeça, menos tempo perdido e menos frustações. Acreditem que esta conta existe e fecha sim!!!!

Por isso, contar com bons fornecedores, que entendam o momento do mercado e estejam dispostos e preparados para trazer as melhores soluções, também é fundamental. Quando todos estão alinhados com os objetivos é muito mais fácil pensar em soluções criativas e buscar alternativas para que tudo o que foi planejado fique dentro do orçamento.

Fazer mais com menos é possível. Mas é muito mais gostoso fazer “mais com mais”. Para isso, não basta ter fornecedores. É preciso contar com bons parceiros. E ótimos clientes.

E aí, preparado para encarar este desafio?

Artigo-fernando-guntovitch

Tags: