Canal
Geral

Comitiva do COI faz visita técnica na Arena da Amazônia

Por: 0 19 de Janeiro de 2015

A Arena da Amazônia recebeu no dia 17 de janeiro uma comitiva formada por membros do Comitê Olímpico Internacional (COI) e de presidentes das 13 confederações sul-americanas de atletismo, lideradas pelo presidente da Confederação Sul-Americana de Atletismo (Consudatle), que foi aclamado no posto, Roberto Gesta. Os representantes visitaram os vestiários da Arena da Amazônia e afirmaram que o estádio tem plenas condições de receber algumas partidas de futebol das Olimpíadas do Rio 2016. Estiveram presentes no encontro na Arena da Amazônia, no camarote VIP no estádio, o secretário-executivo da Secretaria de Estado da Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), Ricardo Marrocos; o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto; o ucraniano Segey Bubka, maior recordista mundial de salto com vara da história e que faz parte comitê de avaliação dos Jogos Olímpicos; Sebastian Coe, presidente do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos realizados em Londres; e Dahlan Al Hamad, presidente da associação Qatar das federações de atletismo.

Foto: Mauro Lima/Semjel.
[caption id="attachment_443677" align="aligncenter" width="562"]Autoridades e membros do COI visitam a Arena da Amazônia. Autoridades e membros do COI visitam a Arena da Amazônia.[/caption] Entre os membros integrantes do COI, esteve o presidente da Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF, sigla em inglês), Lamine Diack. Para o governador José Melo, este será um importante passo nas articulações para que Manaus sedie jogos de futebol na Arena da Amazônia durante as Olimpíadas de 16. O Governo do Amazonas, em conjunto com a Prefeitura de Manaus e também com o apoio de Roberto Gesta, tem se articulado para que Manaus sedie as partidas do futebol caso o COI e o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) decidam incluir mais sedes para essa modalidade. Atualmente, Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília e Salvador estão confirmadas como sedes das partidas de futebol em 2016. O presidente do Comitê Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman, disse durante entrevista, que poderá haver mais uma ou duas sedes dos jogos, o que está sendo discutido com a Fifa e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Tags: