Canal
Geral

Coca-Cola apresenta resultados do Projeto Coletivo

Por: 0 28 de Julho de 2011

A Coca-Cola Brasil anuncia os resultados e as metas do "Projeto Coletivo". Idealizada pela empresa e desenvolvida em parceria com seus fabricantes, a inovadora tecnologia social tem, há dois anos, capacitado comunidades das classes C e D para o mercado de trabalho. Presente em 69 comunidades até o momento, nos Estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo, o programa, criado há dois anos, já formou mais de cinco mil jovens em todo o Brasil, dos quais cerca de 30% foram empregados em grandes redes de varejo.

[caption id="attachment_132389" align="aligncenter" width="580" caption="Marcos André e Tião Santos."][/caption]

Para Claudia Lorenzo, diretora de Negócios Sociais da Coca-Cola Brasil, os resultados comprovam o potencial da união do social com o negócio. “Nossas metas são instalar mais de 100 unidades do Coletivo até o final de 2011 e, até a Copa do Mundo de 14, estar nas principais comunidades de todo o País”, completou Claudia. Coletivo Em conjunto com ONGs e outros parceiros são criadas unidades operacionais em comunidades de menor oportunidade, visando o desenvolvimento socioeconômico. Cada unidade funciona como um centro de formação de jovens e estímulo ao empreendedorismo entre mulheres.

[caption id="attachment_132390" align="aligncenter" width="580" caption="Luciana Feres, Marcos André, Claudia Lorenzo e Tião Santos."][/caption]

Cada ciclo de aulas tem a duração de dois meses e, ao final, os alunos têm a oportunidade de aplicar os conhecimentos, elaborando planos de negócios para comércios locais. O encaminhamento para o mercado de trabalho é feito por intermédio da Coca-Cola Brasil e seus fabricantes, contando também com sua rede de clientes e fornecedores. O Coletivo ainda oferece opções de microcrédito às comunidades, via parcerias estabelecidas com agentes do setor financeiro. As ONGs CDI e Visão Mundial são responsáveis pela operação do projeto nas comunidades. Mais informações em www.coletivococacola.com.br. Cada Garrafa Tem uma História A Coca-Cola Brasil entende sustentabilidade como uma jornada, que requer compromisso e envolvimento de diferentes setores da sociedade. Ao longo desse caminho, a empresa tem ajudado a construir histórias reais de otimismo, felicidade e transformação. Histórias que materializam a essência da marca Coca-Cola e que valem a pena ser compartilhadas. No ano em que celebra seus 125 anos em todo o mundo, a marca já veiculou, no Brasil, a campanha “Razões para acreditar. Os bons são maioria”, e agora apresenta aos consumidores alguns desses “bons”’ na campanha “Cada garrafa tem uma história”, que conta a história de cinco pessoas que, junto com a Coca-Cola, fazem a diferença em suas comunidades.

"A campanha foi concebida de uma forma totalmente diferente de tudo que já fizemos. Sem roteiro predefinido, convidamos o cineasta Breno Silveira, para vivenciar nossas iniciativas. Nesse processo, ele descobriu pessoas incríveis, que fazem diferença positiva em suas comunidades. Essas pessoas inspiradoras se tornaram nossos personagens e ajudam a contar como os programas apoiados pela Coca-Cola podem transformar vidas positivamente", explica Luciana Feres, diretora de Marketing de Coca-Cola. Com desenvolvimento liderado pelo Brasil, “Cada garrafa tem uma história” será veiculada na América Latina a partir de 05/08, trazendo como protagonistas os brasileiros Tião Santos (líder do movimento de catadores de materiais recicláveis e parceiro do programa “Reciclou, Ganhou”); Marcos André França da Silva (instrutor das turmas de varejo do projeto Coletivo no Recife); a equatoriana Stephanie Romero (diretora de comunicação no Equador do programa “Um teto para meu país”, que constroi casas em comunidades); o argentino Sigfrido Moroder (presidente do Centro de Beneficiência El Alfarcito, centro de educação no noroeste da Argentina) e o mexicano Roberto Mejía (diretor do projeto Viveiros Florestais no México, dedicado à devolução de água ao meio ambiente pelo reflorestamento). Suas histórias ganharam tratamento cinematográfico em formato de documentários de curta-metragem, para TV, cinema e internet, além da mídia impressa. Foram desenvolvidos cinco vídeos que mostram os diferentes temas como reciclagem, devolução de água ao meio ambiente e desenvolvimento socioeconômico sob a ótica do personagem que lidera o projeto. Cada história terá versões de 30 segundos, um minuto e três minutos. “Cada garrafa tem uma história” ainda traz mais uma grande novidade. Segundo Luciana Feres, “Queremos que todos os nossos consumidores saibam que cada vez que eles bebem um produto da Coca-Cola, eles se tornam parte dessas histórias de otimismo. Por isso, pela primeira vez, as clássicas latas e garrafas dos nossos refrigerantes terão silhuetas em seus rótulos. Serão as imagens dos personagens desenhadas por textos com suas narrativas transformadoras”.

As latas de 350 ml e as garrafas de dois litros de Coca-Cola trarão as fisionomias de Tião Santos e Marcos André. Já as embalagens de dois litros de Coca-Cola Zero destacarão a história de Roberto Mejía. Os filmes foram assinados pela agência Ogilvy Rio, que também responde pela criação das artes das latas. A versão impressa da campanha foi adaptada pela DPZ. Os rótulos das embalagens foram desenvolvidos pela Oz Design. A versão on-line foi desenvolvida pela Possible.

Tags: