Canal
Geral

Centro de eventos será construído em Porto Alegre

Por: 0 12 de Junho de 2013

Durante o lançamento do Programa de Qualificação em Gestão e Certificação de Empresas de Eventos, no Hotel Plaza São Rafael, promovido pela Abeoc RS, foi anunciado pelo secretário de turismo de Porto Alegre a construção de um centro de eventos na cidade. O trade presente aplaudiu a novidade. Muitos consideraram a notícia como mais uma vitória do bom senso, já que a preferência do Estado era que a construção fosse feita ao lado do Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, na Região Metropolitana. [caption id="attachment_298289" align="aligncenter" width="562"] Parque de Exposições Assis Brasil.[/caption] Em anúncio feito no dia 06/06, a secretária do Turismo do RS, Abgail Pereira, garantiu que o governo manterá o esforço técnico para assegurar os recursos que viabilizam a construção de um centro de eventos do Estado. O prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, ligou para o governador Tarso Genro na manhã do dia 05/06. Tarso informou que não há nenhum tipo de desavença entre Estado e município neste tema, e que espera mais informações do Ministério do Turismo, pois no dia do empenho dos recursos o próprio ministro Gastão Vieira avaliou diretamente com o governador não só os valores do projeto, mas também a contrapartida por parte do Rio Grande do Sul. O governador salientou que o empenho ao município não deva ser cancelado, embora este seja um fato novo no trabalho que já vinha sendo feito de forma comum com a prefeitura e a União. O governo gaúcho aguardará até essa semana informações do Ministério do Turismo sobre qual o regime de colaboração a ser desenvolvido daqui por diante para a construção do Centro de Eventos do Estado do Rio Grande do Sul. Recursos Estudos preliminares de viabilidade encaminhados pela Prefeitura de Porto Alegre ao Ministério do Turismo para a construção de um novo centro de feiras e convenções na Capital foi acolhido pelo órgão federal, que destinará R$ 60 milhões para a construção do equipamento. De acordo com o secretário municipal de Turismo, Luiz Fernando Moraes, o projeto do município é para um equipamento estruturado com o que há de mais moderno em arquitetura e tecnologia, com área de feiras de 26 mil metros quadrados de área locável, o que corresponde a quase três vezes o maior espaço disponível para feiras em Porto Alegre atualmente, que fica na Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul – Fiergs. [caption id="attachment_298293" align="aligncenter" width="580"] Fiergs.[/caption] O espaço para convenções, de nove mil metros quadrados, terá capacidade para 6.450 pessoas sentadas, e a área de estacionamento oferecerá seis mil vagas. A localização, inicialmente prevista para a construção do Porto Alegre Centro de Convenções, é uma área de 27 hectares localizada na Avenida Bento Gonçalves, no bairro Partenon. A partir do terreno selecionado, a prefeitura vislumbra o desenvolvimento de um projeto ambientalmente sustentável, integrado às áreas naturais de preservação existentes no terreno, com reaproveitamento de água de chuva, energia solar, entre outros. O próximo passo será a assinatura do convênio. Estratégico Reivindicação de muitos anos das entidades e empresas do Turismo da Capital, um centro de eventos de classe mundial e adequado à realizações de grande porte é apontado como necessidade básica para a continuidade do desenvolvimento turístico da cidade desde o planejamento estratégico do setor, elaborado em 2007 com a participação do trade turístico, do município e outros setores da sociedade. A Capital gaúcha está no seleto grupo das cidades com forte atuação no turismo de eventos desde 2002, mas oscila muito de posição no ranking da Icca (International Congress and Convention Association), principal entidade internacional do setor de eventos. No balanço de 2012, por exemplo, a cidade perdeu duas posições entre os destinos brasileiros que mais receberam eventos internacionais, saindo da 5ª para a 7ª colocação. Para o secretário Luiz Fernando Moraes, “O Governo Federal foi sensível ao compreender que está nesse segmento um grande potencial de crescimento do turismo nacional e, no caso de Porto Alegre, cuja vocação para eventos é notória, permitirá que a cidade mude o seu patamar de competição nesse disputado mercado internacional”.

Tags: