Canal
Geral

Camper feliz e grato por estar em solo francês

Por: 0 25 de Junho de 2012

O grande Camper do Emirates Team New Zealand conquistou o segundo lugar no Leg 8 da Volvo Ocean Race, trazendo o time de volta à contenção global de lugares no pódio, chegando ao terceiro lugar da corrida para o Volvo Ocean Race Trophy. Mais uma vez, o time Spanish/New Zealand ganhou o IWC Schaffausen Speed Record Challenge (Desafio Schaffausen de Recordes de Velocidade) pela perna, postando uma corrida de 24 horas com 546 milhas náuticas no dia 14/06, em condições hediondas no Bay of Biscay. Essa perna tem sido uma das mais velozes da corrida até hoje. Uma vez no Azores, o sexto barco da frota foi prejudicado ao fim das 1000 milhas para a Costa Francesa, cobrindo 500 milhas em um dia em uma velocidade excessiva de 40 nós. Com 21 pontos separando os quatro primeiros barcos no topo do quadro de liderança quando saíram de Lisboa, tinham tudo para competir. Camper, que se sobressaiu em condições extremas, tinha a missão de colocar seus pés de volta no topo do pódio da corrida. As últimas 36 horas têm sido a mesma para a maioria dos participantes, navegando para um sistema de baixa pressão no Bay of Biscay, a equipe foi ferida. Trimmer Rob Salthouse os descreveu como se parecesse que estavam “passeando feridos” depois de várias derrotas e de serem atingidos por toneladas de água. A determinação de Camper com a equipe Emirates Team New Zealand foi recompensada na tarde de quinta-feira (14/06) quando eles apreenderam o IWC Schaffhausen Speed Record Challenge pela perna, com uma corrida de 564 milhas náuticas em 24 horas.  

Tags: