Canal
Geral

Brindes movimentam mercado promocional em Campinas

Por: 0 3 de Julho de 2012

O segmento de marketing promocional movimenta anualmente aproximadamente R$ 739 milhões na Região Metropolitana de Campinas (RMC), segundo a Associação de Marketing Promocional (Ampro). Dados da entidade demonstram que, em 2010, o montante chegou a R$ 281 milhões só na cidade de Campinas. Seja por meio de uma singela caneta ou de um item mais arrojado, que una design e funcionalidade, o fato é que o brinde é duradouro como meio de divulgação de uma marca.

Para a diretora da Thema Relações Públicas e Imprensa, Márcia Regina Felício, empresa que atua há 15 anos no mercado, o brinde tem a intenção de estreitar o relacionamento entre a empresa e público-alvo. O cliente gosta de se sentir lembrado e valorizado e nada melhor do que um brinde de bom gosto para agradá-lo e, ao mesmo tempo, promover a marca. “Os presentes personalizados, distribuídos em eventos ou datas comemorativas, ajudam a atingir esse objetivo”, reforça. Os brindes podem ser usados tanto na solidificação de uma marca como também na divulgação de um produto novo. Só este ano, considerados os brindes com a própria marca da Thema e também os itens dos clientes atendidos pela empresa, Márcia calcula que cerca de sete mil itens foram distribuídos. Na Sumaré Promocionais, conforme os sócios-roprietários André Vigário e Sandra Magalhães Vigário, o primeiro semestre representa 40% do faturamento do ano. A empresa, que atende desde grandes multinacionais com encomendas de 50 mil a 100 mil peças, e também pedidos menores com 30 peças para aniversários e casamentos, trabalha este ano com a expectativa de aumento de 10% nas vendas em relação a 2011. No ramo há 11 anos, a empresa iniciou suas atividades com artigos costuráveis - bolsas,  pastas e mochilas - e atualmente oferece mais de mil itens, desde cooler, porta-retrato digital, balde de pipoca e relógios. “Os itens mais procurados pelo mercado são pendrive, canetas, sacolas ecológicas, canecas e mochilas”, diz Vigário. Enquanto alguns itens custam a partir de R$ 0,65, o kit de churrasco Tramontina e avental é vendido a R$ 300,00. Para a Copa do Mundo, que irá ocorrer no Brasil dentro de dois anos, a empresa já está providenciando a linha temática do maior evento esportivo do futebol mundial, com baldes de pipoca, bolas e camisetas. A linha será apresentada na feira do setor que irá acontecer no final de julho, com produtos desenvolvidos a partir da fibra de coco. “Para o segundo semestre, a empresa começará a se dedicar fortemente à linha da Copa do Mundo”, informam os sócios.

Tags: