Canal
Geral

Os melhores do PIAF na Europa Central

Por: 0 16 de Maio de 2011

É natural, em meio a tantos trabalhos diversificados e cada vez mais integrados de comunicação, a profusão de prêmios, festivais e outras atividades incríveis que estão surgindo por aí. No momento em que concebemos uma ideia, ela é do mundo e fazê-la circular é possibilitar que novas ideias surjam e beneficiem não apenas marcas, mas organizações e pessoas.

É sempre bom lembrar que junto com o termo "comunicação" vem o termo "social" e este denota uma responsabilidade abissal por parte de quem cria - o que, aparentemente, cada vez mais tem sido levada em conta em ações promocionais e campanhas de marketing. Na última semana foram divulgados os vencedores do Piaf, principal festival de criatividade da Europa Central, ocorrido em Praga. Como já contamos brevemente aqui no Promoview, as campanhas inscritas para o evento foram avaliadas sob categorias holísticas numa tentativa de englobar ao máximo este contexto diferenciado e muitas vezes difícil de rotular, que envolve as inúmeras disciplinas e atividades do marketing e da comunicação. Dos seis trabalhos brasileiros semifinalistas, três levaram prêmios silver e bronze em cinco categorias diferentes. Já Portugal teve apenas um de seus dois cases premiados, com um desejado gold. Mas a grande estrela da festa veio de Israel, numa campanha de grande visibilidade pela luta contra a AIDS. Conheça aqui um pouco mais sobre cada uma das campanhas de língua portuguesa vencedoras do Piaf. A Loducca levou todos os prêmios brasileiros no Piaf. Pela campanha Red Bull Street Art View, foram dois Pratas: um na categoria Engajamento da Audiência e o outro em Uso Criativo da Tecnologia. A ação teve como objetivo se tornar o maior museu virtual de arte de rua do mundo.

Já para a Peugeot, foram duas campanhas premiadas. A primeira, Wax Ad, ou o 'anúncio de parafina' ganhou Pratas na categoria Uso Criativo de Formatos de Publicidade Tradicional e também na categoria O Jogo. A incrível ação com foco em surfistas consistiu de uma página impressa em cera que deveria ser arrancada, amassada e usada nas pranchas de surf antes de entrarem na água. Ou seja: de anúncio, a ação se transformou em brinde.

A segunda ação da Peugeot, Quadro Negro, criada pela Loducca ganhou Bronze na Categoria Impacto Imediato. Com o objetivo de chamar a atenção de jovens calouros universitários, o target mais propenso a ganhar um Peugeot 207 de presente pela conquista, a marca entrou nas salas de aula antes dos alunos e fez um anúncio no quadro negro, direcionado aos seus possíveis novos clientes. Indiscutível o impacto imediato.

Por fim, o Grand Prix. Uma ação bastante voltada para o social, por intermédio da comunicação, ganhou o prêmio máximo deste festival. Mas pudera: a Shalmor Avnon Amichay/Y&R Interactive de Tel Aviv, Israel, foi muito além na conscientização da luta contra a AIDS. Primeiro por ter conseguido voluntários em pessoas públicas, que toparam fazer o teste e divulgar seus resultados em tempo real e ao vivo. Segundo, por fazer isso em uma mídia sobre a qual muitos pensam estar com os dias contados, que é o rádio.

De fato, como temos mostrado em diversas ações, esta ideia é um grande equívoco, já que esta mídia tão tradicional tem se insurgido em ações promocionais extremamente do nosso tempo. Vida ao rádio, às campanhas integradas e ao combate a AIDS é o que o Grand Prix do Piaf evoca nesta ação.

*Many thanks to Jan Patera, from PIAF, for his collaboration straight from Prague! Agradecemos a Jan Patera, do PIAF, pelo envio das informações diretamente de Praga!

Tags: