Canal
Geral

Bradesco Seguros promove IX Fórum da Longevidade

Por: 0 14 de Outubro de 2014

As mulheres vivem mais do que os homens, e esse fato fica ainda mais evidente quando se fala do envelhecimento a partir dos 70 anos de idade. Segundo dados do IBGE, na faixa dos 80 anos, dois terços dos idosos são mulheres, e a partir dos 90 anos essa participação passa para três quartos da população idosa. É a chamada ‘feminilização’ do envelhecimento. As diferenças socioculturais no processo de envelhecimento entre homens e mulheres são o tema central do IX Fórum da Longevidade Bradesco Seguros, que será realizado no próximo dia 15 de outubro, a partir das 8h, no Hotel Unique, em São Paulo, reunindo especialistas nacionais e internacionais sobre o tema. [caption id="attachment_424682" align="aligncenter" width="402"]a atriz Jane Fonda já participou do Fórum promovido pela seguradora. A atriz Jane Fonda já participou do Fórum promovido pela seguradora.[/caption]   Os números do envelhecimento no Brasil e no mundo, as diferenças entre os gêneros durante esse processo e seus impactos na sociedade estão entre os assuntos a serem abordados. Participam do evento, entre outras personalidades, o jornalista e escritor Zuenir Ventura; a pesquisadora Mirian Goldenberg, autora de “Coroas: corpo, envelhecimento, casamento e infidelidade”; a professora de Saúde Pública e Envelhecimento da Universidade do Canadá, Maria Victoria Zunzunegui; a pesquisadora e historiadora Mary del Priore, autora de “História das Mulheres no Brasil”; a médica geriatra Cláudia Burlá; e o escritor John Gray, autor do best-seller “Homens são de Marte. Mulheres são de Vênus.” Durante o Fórum será realizada a entrega dos Prêmios Longevidade Bradesco Seguros, que, este ano, além dos já tradicionais reconhecimentos aos trabalhos de Jornalismo e Histórias de Vida, lançam a modalidade Pesquisa em Longevidade, voltada à comunidade acadêmica. Na sequência ao IX Fórum da Longevidade Bradesco Seguros, acontecerá no Rio de Janeiro, nos dias 16 e 17 de outubro, o II Fórum Internacional da Longevidade, que dará continuidade às discussões sobre o mesmo tema, reunindo acadêmicos, pesquisadores e representantes de entidades de diversos países. Promovido pelo Centro Internacional de Longevidade Brasil, com apoio do Fórum Mundial de Demografia e Envelhecimento (WDA Forum), o evento será organizado, pelo segundo ano consecutivo, pelo Grupo Bradesco Seguros, em suas dependências no Rio de Janeiro. Brasil ‘Será o Japão’ Dos Próximos Anos Segundo o médico e gerontólogo Alexandre Kalache, consultor e palestrante do Fórum da Longevidade, existem hoje 700 milhões de pessoas no mundo com mais de 60 anos de idade, população que poderá chegar a dois bilhões nas próximas três décadas. O Brasil é um dos primeiros no ranking dos países que mais envelhecem. A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) de 2013, divulgada pelo IBGE, mostra que as pessoas com 60 anos de idade ou mais correspondem a 13% da população, o que equivale a 26,1 milhões de idosos no País. Em 2050, a projeção é que este grupo alcance 64 milhões, equiparando-se ao Japão em termos de envelhecimento. A questão do gênero, que será abordada no Fórum, está diretamente relacionada ao papel social desempenhado por homens e mulheres. As mudanças no mercado de trabalho e na perspectiva de longevidade apontam também que as mulheres estão mais ativas economicamente e menos disponíveis para o papel de cuidadoras que exerciam anteriormente. “As mudanças demográficas provocam impacto em todas as políticas governamentais, incluindo, além da saúde, as áreas da educação, da família, do trabalho, da previdência e da assistência.”, ressalta Lúcio Flávio de Oliveira, presidente da Bradesco Vida e Previdência. Ações Por Uma Melhor Qualidade de Vida Realizado desde 2006, o Fórum da Longevidade faz parte de um conjunto de ações desenvolvidas pelo Grupo Bradesco Seguros com o intuito de difundir a importância de aliar proteção e planejamento financeiro a um futuro com qualidade de vida e bem-estar. Além dos Prêmios Longevidade, as iniciativas também incluem o Circuito da Longevidade, que já reuniu, desde 2007, mais de 300 mil participantes, em corridas e caminhadas nas principais cidades brasileiras; e o programa Porteiro Amigo do Idoso, que visa a capacitar porteiros a oferecer melhores serviços aos idosos e já treinou mais de 600 profissionais.

Tags: