Canal
Geral

Belém terá programação cultural especial

Por: 0 3 de Outubro de 2014

Belém terá uma programação cultural especial para receber os paraenses e turistas que costumam visitar a cidade durante o Círio de Nazaré. O "Nazaré em Todo Canto", promovido pela Secretaria de Cultura do Estado (Secult) será realizado entre os dias 03 e 16 de outubro, com shows musicais, apresentação de grupos de carimbó, exposição e outros. Todos os eventos têm entrada gratuita. Estação das Docas, Theatro da Paz, Parque da Residência e Igreja de Santo Alexandre irão sediar toda a programação que inicia no dia 03 de outubro, às 20h, com o concerto do Amazônia Jazz Band que convida a cantora Jane Duboc. Já no dia 10/10, no mesmo horário, haverá o concerto da Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP), com participação do coro infantil da Vale. E para encerrar a programação no espaço, será apresentado pela primeira vez no Theatro, o show “Canções em Romaria”, com as cantoras Lucinnha Bastos, Andréa Pinheiro e Marianne Lima, que vão soltar a voz em louvor à Virgem de Nazaré.
Foto: Reprodução/Google.
[caption id="attachment_423230" align="aligncenter" width="562"]Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz. Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz.[/caption] Entre os dias 07 e 10/10, no coreto do Parque da Residência, às 13h, haverá a apresentação de bandas de música da Marinha, Exército e dos Bombeiros. No dia 09/10, no espaço da Igreja de Santo Alexandre, haverá show do violinista Salomão Habib. Nos dias 03, 04, 07, 08, 09 e 10 de outubro, a orla da Estação das Docas, sempre a partir das 18h, será tomada por apresentações de grupos de carimbó. O encerramento será com o carimbó de Marapanim Uirapurú e com o Boi Tinga de São Caetano de Odivelas. Nos dias 08 e 09, no Teatro Maria Sylvia Nunes, às 20h, estão agendadas apresentações musicais “Canções em Romaria” e “Caboclo Muderno”, um coletivo musical que mistura ritmos atuais da cena paraense a alguns instrumentos do samba, comandado pelo cantor Paulo André.

Exposições em Belém

O “Nazaré em Todo Canto”, no Armazém 2 da Estação das Docas, contará ainda com a instalação “Carimbó. É do Pará”, uma homenagem a um dos ritmos mais populares do estado, com curadoria do professor e pesquisador Emanoel Franco. “Será composta por curimbós, dois manequins com roupas típicas do ritmo, no fundo imagens da dança. Tudo com uma iluminação cênica. Vamos mostrar o carimbó em sua essência”, antecipa o artista. No Armazém 3, o artisa traz a exposição: “A arte que vem do céu”, composta por girândolas de miritis, que vão dar um colorido todo especial ao local. As peças estão sendo produzidas por artesão de miriti do município de Abaetetuba. Também o espaço abrigará a exposição “A devoção que vem dos rios”, composta por peças de embarcações, que ocupam o estaleiro de Abaetetuba. “Esse trabalho surgiu a partir de uma oficina com as mulheres do município, com elementos colhidos nesses barcos”, conta Franco. As exposições serão abertas no dia 3, às 19h.  

Tags: