Canal
Geral

Adrenalina nas raias brasileiras com o Mitsubishi Sailing

Por: 0 14 de Maio de 2011 06:20

A Mitsubishi Motors, dando continuidade ao seu apoio ao esporte irá realizar a segunda temporada da Mitsubishi Sailing Cup. A competição teve como campeão da primeira temporada o veleiro Negra, do Uruguai. Este ano serão três etapas, a serem realizadas em: Ilhabela, de 02 a 05/06; Búzios, de 11 a 14/08; e Rio de Janeiro, de 01 a 04/09. A Mitsubishi Sailing Cup terá a participação de duas classes de veleiros: o S40 (Soto 40) e a Classe HPE 25’. "Os veleiros S40 representam um antigo sonho meu, acalentado há mais de 20 anos, de ter no Brasil uma classe de barcos de oceano de última geração, estritamente one design, ou seja, completamente iguais e sem regras de handicap ou rating, que permitem aos velejadores medir forças na água, segundo a capacidade de cada um, sem interferências externas", conta Eduardo de Souza Ramos, comandante do ‘Pajero’ e idealizador do evento.

Os melhores da América do Sul Em 2011, os melhores velejadores da América do Sul irão correr, entre eles Torben Grael, Gastão Brun, Francesco Bruni, Cole Parada, Dee Smith, Pablo Defazio, André "Bochecha" Fonseca e Eduardo Souza Ramos.

"O bacana da Vela de Oceano, com as regras que temos no S40, é que podemos ter até cinco profissionais a bordo e com isso misturar grandes talentos oriundos das mais diversas classes enriquecendo a disputa", comenta Eduardo. Para Torben Grael, o maior medalhista individual da Vela mundial e maior esportista olímpico brasileiro, "O que atrai na Mitsubishi Sailing Cup é a possibilidade de velejar regatas técnicas, no bico de proa, sem regras de tempo corrigido e contra alguns dos melhores e mais preparados velejadores latino-americanos e até mesmo mundiais, como o caso de Dee Smith, Francesco Bruni e Vince Brun". Segundo o multicampeão, que no ano passado ficou em terceiro lugar na Mitsubishi Sailing Cup, "Este ano teremos mais barcos e, portanto, ainda mais disputas na flotilha de S40. O nível está mais alto e isso é muito bom para a Vela brasileira e para o esporte em geral". De fato, a probabilidade de ter 15 veleiros ultramodernos de 40 pés, com 10 tripulantes cada, dá a Mitsubishi Sailing Cup a inédita possibilidade de reunir 150 velejadores, profissionais e amadores, de altíssimo nível em uma disputa justa, com regatas sempre emocionantes e muita adrenalina na raia, o que atrai o público, a mídia e deixa os participantes sempre empolgados.

"Hoje o Brasil, em todos os segmentos, deixa o papel de coadjuvante e vai se tornando o protagonista das ações. Com esta competição nós trazemos o que há de melhor para nosso país e provamos ao mundo da Vela que não é preciso ir para o hemisfério norte para encontrar regatas de alto nível", comemora Eduardo.

Em águas brasileiras, em 2011, estarão reunidos na Mitsubishi Sailing Cup participantes com inúmeros títulos. Com destaque para 14 participações em olimpíadas, 21 títulos mundiais, dez títulos europeus, 24 títulos sul americanos, 68 titulos brasileiros, 20 títulos argentinos, cinco títulos chilenos e nove títulos uruguaios, comprovando o altíssimo nível técnico dos velejadores.

Tags: