Canal
Geral

Ações de live marketing alertam sobre maus tratos na infância

Por: Assessoria. 6 de Novembro de 2015

O mês de outubro na região do ABC paulista foi marcado por uma campanha promovida pelo Centro Regional de Atenção aos Maus Tratos na Infância do ABCDM e criada pela Go! Comunicação.

Com foco na violência infantil, as peças de mídia exterior, mídia on-line e ações de live marketing tinham o principal objetivo de tirar a sociedade da inércia e gerar forte reflexão sobre o tema.

As peças da campanha relacionaram violências com brincadeiras infantis: “Telefone de Lata” aborda a violência psicológica; “Gangorra”, o abandono; “Esconde-Esconde”, a violência física; e “Cabaninha”, a violência sexual.

Foram duas ações de live marketing. A primeira colocou pessoas circulando pelas ruas movimentadas da cidade com placas sobre as suas cabeças dizendo coisas como “Ontem eu abusei sexualmente de uma criança”; a parte de trás dizia “Não é tão fácil identificar quem comete abusos contra crianças e adolescentes. Denuncie. Disque 100”.

A segunda aconteceu dentro de um shopping da região, onde foi montado um ringue. A cada meia hora, acontecia uma “luta” entre uma criança e um agressor – que não aparecia. A ação gerou um vídeo que foi usado nas redes sociais.

A discussão sobre a violência infantil está em pauta ultimamente. O último movimento a ganhar manchetes foi o #PrimeiroAssedio, hashtag viralizada pelo Think Olga, em que mulheres compartilharam relatos sobre a primeira vez em que elas foram assediadas. Isso aconteceu após Valentina, uma das participantes do MasterChef Kids, ter sofrido com comentários pedófilos no Twitter durante a estreia do programa.


 

Tags: