Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Quais vídeos mais engajam no universo gamer?

Por: Redação.. 15 de Outubro de 2021

Não é de hoje que as enormes companhias do mundo do entretenimento disputam cada vez mais pela atenção dos consumidores, criando novas formas de fazer com que os usuários fiquem mais tempo conectados às telas e consumam mais conteúdo. 

Porém, um segmento que vem se destacando nesse meio é o de games, que já bate de frente com outras formas de entretenimento "tradicionais", como a televisão, os serviços de streaming e as redes sociais. 

Tudo sobre o mercado de games está aqui.

Muitas marcas e creators estão aproveitando essa onda, criando cada vez mais conteúdos voltados aos fãs de jogos eletrônicos. 

Não é preciso ser gamer para produzir materiais sobre esse universo, já que hoje em dia vemos um crescimento exponencial de empresas do mundo financeiro, educacional, varejista, entre outras, apostando no entretenimento e no lifestyle gamer

Pensando nisso, a Winnin, martech que empodera a criatividade por meio da ciência de dados, realizou uma pesquisa que indica quais estilos de vídeos mais engajam dentro deste universo, trazendo algumas receitas de sucesso para que marcas e creators não errem na hora de produzirem conteúdos sobre games.

Confira abaixo as dicas da Winnin

#1 Explore os memes e reações 

As pessoas adoram vídeos de momentos engraçados, ainda mais quando inseridos no contexto dos games. Conteúdos de marcas e creators comentando os jogos e abraçando os memes engajam bastante nas redes sociais. 

O vídeo "Yoda jogando com os Monos e Dogashow", do canal Bronziocre, por exemplo, já alcança mais de 600 mil visualizações. 

#2 Abrace os Webnamoros 

Além dos jogos e competições, as pessoas adoram acompanhar as interações e os relacionamentos entre os jogadores. Muitos namoros surgiram dos games e os conteúdos sobre isso geram um grande engajamento nas redes. 

Um exemplo disto é o vídeo "Fui visitar minha namorada que conheci no Free Fire pela primeira vez", do canal Capudo FF, que bate mais de 1 milhão de views. 

#3 Misture jogo e vida real 

Muitos creators estão recriando elementos dos games na vida real, como cenas, ferramentas, roupas e personagens. O vídeo do canal Hero Base, "Outfit de Fortnite na vida real", já alcança mais de 730 mil visualizações nas redes sociais. 

#4 Aposte em trollagens 

Brincadeiras e desafios que aumentem a interação entre os jogadores e tirem o protagonismo das competições e das regras estão entre os formatos favoritos do público. Um exemplo disso é o vídeo "A conta mais valiosa do Free Fire foi trollada?", do canal Fluxo, que já conta com mais de 3 milhões de views. 

#5 Compartilhe reactions e highlights 

Os conteúdos de creatos reagindo a compilados de melhores momentos, finais de campeonatos e partidas importantes conquistaram a atenção do público gamer. O vídeo do canal Piuzinho, "Reagindo a jogadas históricas do Free Fire", por exemplo, já alcança mais de 1 milhão de views nas redes sociais. 

#6 Aposte nos reviews em gameplay 

As pessoas adoram e confiam em reviews de produtos e jogos feitos por influenciadores. Esse é um formato de alto engajamento e as gameplays, além de mostrarem os jogos, são o espaço ideal para debates sobre produtos e marcas. 

Um exemplo é o vídeo "Resident Evil Village - O início de Gameplay", do canal BRKsEDU, que soma mais de 1,5 milhões de visualizações. 

#7 Abrace os emotes 

Os emotes são um sucesso dentro dos jogos e uma das ferramentas que conecta o mundo dos gamers com a vida real. Abraçar esses momentos de descontração é uma ótima forma de gerar mais engajamento para os conteúdos criados. 

O vídeo "Corre! Como deixar o CR7 e o Alok permanente no evento dos personagens grátis!", do canal Rafael Kill, por exemplo, já bate mais de 1,3 milhões de visualizações nas redes sociais. 

#8 Junte paródia e games 

Paródias de funks e raps sobre jogos, além de remakes de clipes dentro dos games são um enorme sucesso de público. Um exemplo é o vídeo "Matuê - Quer Voar Free Fire Highlights", do canal Rafão, que soma mais de 173 mil views. 

Metodologia do relatório 

As métricas são provenientes de dados do Brasil no Facebook, YouTube e Instagram. O levantamento foi criado a partir de análise de dados feito pela inteligência artificial da Winnin, que analisou dentro do ecossistema de consumo da população sobre os conteúdos de relacionamentos e mapeou quais são os temas e creators, que estão dominando essa conversa. 

 

Tags: games | universo-gamer | winnin