Canal
Exposições

Setor de feiras austríaco garante retorno com segurança

Por: Redação. 18 de Junho de 2020

Durante todo o mês de maio o setor de feiras de negócios da Áustria intensificou seus esforços para a liberação da volta de seus eventos em setembro. 

Proibidos até agosto, as empresas de organização de feiras do país exigiram dos políticos clareza sobre como a indústria continuaria após esta data.

Confira as principais feiras de negócios aqui.

As principais novidades do mercado M.I.C.E estão aqui.       

Na argumentação, algo simples, um pedido para receberem um tratamento semelhante ao dos shopping centers – que já estão reabertos no país. Lembrando aos governantes o longo tempo de preparação que uma feira tem para estar pronta, uma resposta era urgente para que as mesmas ainda pudessem ser realizadas em 2020. 

Além de uma intensa campanha, a associação de organizadores de feiras da Áustria encaminhou à autoridade pública um protocolo detalhado de medidas para garantir a segurança nos eventos, relembrando que os requisitos que também se aplicam ao varejo podem ser amplamente implementados em feiras com regulamentos adicionais.

A resposta do governo veio no dia 15/06, com a autorização do governo para as feiras retornarem em setembro. “Feiras e congressos agora podem ser realizados na Áustria novamente. A regulamentação necessária já foi concluída e entrará em vigor amanhã. “Este roteiro, com regras claras e simples, dá à indústria a perspectiva necessária e o planejamento de segurança.”, aponta Elisabeth Köstinger, ministra do Turismo do país.

Cerca de 21.000 eventos (congressos, conferências, feiras, etc.) acontecem na Áustria a cada ano, com um total de cerca de 1,7 milhão de pessoas. 

Grandes congressos são tão importantes quanto as conferências menores. Cerca de 90% dos congressos e conferências têm menos de 500 participantes. 

No total, esse setor gera valor agregado em torno de 8,9 bilhões de euros. O turista médio do congresso gasta mais de 500 euros por dia no local da conferência.

“Todo o setor de eventos sofreu muito com as restrições relacionadas ao Covid-19 dos últimos meses.”, diz Köstinger. “É importante que as operações possam ser reiniciadas agora. Regras claras e simples e um cronograma concreto oferecem novamente as perspectivas do setor.”, finaliza.

Tags: Feiras de Negócios | Coronavírus | Covid-19 | congressos | mercado de eventos | isolamento social | distanciamento social | M.I.C.E | Áustria