Canal
Exposições

Salão do Automóvel de São Paulo foi adiado para 2021

Por: Redação. 7 de Março de 2020

Desfalque de marcas importantes e dólar nas alturas estimularam a decisão. Reed Exhibitions Alcântara Machado  estuda promover outro evento no lugar do salão em novembro deste ano.

Desacordos com a organizadora em relação a custos, desistência de marcas importantes, como Chevrolet, Hyundai e Toyota, alta do dólar e até o coronavírus serviram de vetor para que fabricantes e a Reed Exhibitions, promotora do evento, decidissem adiar a mostra de novembro de 2020 para algum momento de 2021.

Luiz Carlos Moraes, presidente da Anfavea destaca: “O Salão do Automóvel é um evento que celebra a paixão dos consumidores pelos nossos produtos, mas ele precisa evoluir e refletir o momento de disrupção tecnológica que nossa indústria está vivendo. Em conjunto com a Reed, tomamos a decisão de adiar a edição do Salão de 2020 para reduzir custos e termos tempo de avaliar novos formatos. A revisão do Salão não é um movimento local, está acontecendo em todos os países do mundo e pelos mesmos motivos."

Cláudio Della  Nina, presidente da Reed Exhibitions Alcântara Machado declara: “A Reed possui o grande desafio de propor um novo Salão do Automóvel alinhado com as expectativas do público visitante e com a nova realidade das montadoras. Estamos focados na solução deste desafio e comprometidos com a entrega da melhor edição do Salão do Automóvel em 2021”.

O adiamento foi comunicado nesta sexta-feira (6) pela Anfavea (Associação Nacional das Fabricantes de Veículos Automotores).

Tags: feira-de-negócios | brand-experience | Salão-do-Automóvel-de-São-Paulo