Exposições

Arnold Sports Festival movimenta a economia de São Paulo

Por: Redação Promoview. 10 de Abril de 2018

O Arnold Sports Festival South America fará a roda da economia girar com mais intensidade no primeiro semestre de 2018.

Com investimento de R$ 10 milhões e apresentando crescimento de 10% em relação ao ano passado, a feira multiesportiva e de negócios fitness criada pelo astro Schwarzenegger projeta gerar volume de negócios superior à casa dos R$ 100 milhões entre os dias 20 a 22 de abril, no Transamérica Expor Center, em São Paulo.

Além da comercialização direta de produtos e serviços, o evento vai fomentar o turismo e consumo na Cpaulista no final de semana do feriado de Tiradentes.

A partir da edição 2018 – a sexta no Brasil e segunda em São Paulo -, o Arnold Sports Festival passa a ser uma feira multisetorial. Além da tradicional área destinada a empresas de nutrição esportiva e suplementação alimentar, passa a contar com um salão dedicado a equipamentos para academia, com novidades e lançamentos de grandes marcas nacionais e internacionais.

A incorporação do novo espaço é possível em função da integração com a Rio Sports Show, uma das mais importantes feiras de fitness e bem-estar do Brasil, promovida por 19 anos no Rio de janeiro.

“O Brasil abriga cerca de 34.500 das 201 mil academias espalhadas pelo planeta. Dados que colocam o País na segunda colocação no ranking mundial em números absolutos, atrás apenas dos Estados Unidos, com 36.540 unidades. Contudo, em número de frequentadores, ocupamos a quarta posição, com 9,6 milhões de alunos matriculados (perdendo para EUA – 57,2 milhões; Alemanha – 10 milhões e Reino Unido – 9,7 mi). Estes resultados indicam uma enorme margem de crescimento para o mercado nacional relativo à prática de atividade física, que tem penetração em apenas 4,6% da população.”, explica Ana Paula Leal Graziano, diretora da Savaget & Excalibur ao lado de Luis Felipe Bonilha, ambos sócios de Arnold Schwarzenegger na feira que leva o nome do astro no Brasil.

A empresária cita mais duas áreas para embasar a tese de feira multisetorial: o "Fight Pavilion" e o "Healthy Pavilion". Como os próprios nomes indicam, o primeiro é destinado ao mercado relacionado às lutas – do MMA aos mais tradicionais estilos de artes marciais -, enquanto o segundo é voltado à divulgação e promoção de empresas e serviços ligados à saúde, qualidade de vida e bem-estar.

"Com todas essas atrações, mais as competições esportivas contando com cerca de dez mil atletas, uma corrida de rua, cursos e workshops, o Arnold Sports Festival South America espera atrair mais de 80 mil pessoas em três dias de evento.”, revela Ana Paula.

A tradicional Expo, feira voltada para nutrição esportiva e acessórios fitness, deve superar a marca de 2017, quando bateu recorde de presença de lojistas interessados em fazer negócios.

Ao todo, 4.520 profissionais foram ao Transamérica Expo Center em busca de produtos, 50% a mais que em 2016. Empresas do setor de suplementação alimentar, como a Blackskull e Midway, afirmaram ter fechados negócio na casa de US$ 1 milhão e R$ 25 milhões, respectivamente, na edição do ano passado.

“Em um cenário de tímida recuperação econômica, manter o volume de negócios na casa dos R$ 100 milhões, como em 2017, e crescendo em visitantes de 60 para 80 mil visitantes, é bastante satisfatório.”, atesta Bonilha.

Para aumentar a oportunidade de negócios para expositores, lojistas, proprietários de academias, entre outros players, a organização disponibiliza horários especiais na sexta-feira e sábado, quando os portões serão abertos às 10h exclusivamente para profissionais do setor.

O público tem acesso ao evento somente a partir das 14h. “Esta é uma forma de favorecer o business, oferecendo um ambiente mais tranquilo para troca de informações e negociações. Por outro lado, não vamos deixar ninguém na mão, já que, neste ano, as pessoas em geral poderão aproveitar as competições nos pavilhões G e D, na entrada da feira, também a partir das 10h.”, explica Ana Paula.

Setor de turismo pega carona

Paralelamente às ações diretas, um evento como o Arnold Sports Festival South America movimenta a economia e o turismo local. A Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Estado de São Paulo (Abihsp), aposta em feiras de grande porte como a de Schwarzenegger para atingir a projeção de crescimento entre 5% a 7% na ocupação hoteleira para o primeiro semestre de 2018, se comparado com o mesmo período de 2017.

A Capital paulista conta com mais de 75 mil leitos em hotéis e taxa média ocupação variando na casa dos 55% a 60%.

Aproveitando a grande demanda de público de diferentes partes do Brasil interessados em visitar a Arnold Sports Festival South America, empresas firmam parcerias com o evento adotando preços especiais para os consumidores.

A Latam, por exemplo, oferece descontos que podem chegar a 25% no preço da passagem aérea aos visitantes da feira que venham de outras cidades ou Estados. Já a L’equipe Travel Business and M.I.C.E, agência oficial desta edição, criou pacotes completos com valores de acordo com o tipo de hospedagem em hotéis como Ibis, Trasamérica, Trype e Grand Hyatt, entre outros.

Tags: Espaço Físico | Feiras de Negócios | Esportivo | Lançamento de Produto | Relacionamento | Indústria | Comércio | São Paulo | Pavilhão para Feiras | Diretor de Marketing | Empresário | Agências em Geral | Marketing | Posicionamento no Mercado | Vendas - Aumento | Produtor