Canal
Esportes

Nestlé integra vôlei em programa de capacitação de jovens

Por: Redação 16 de Junho de 2016

A Nestlé apresentou o time vôlei de Osasco para a temporada 2016/2017, mas com um foco diferente do que foi exibido nos anos anteriores. Agora, a equipe patrocinada pela empresa terá como um dos principais objetivos o desenvolvimento de novas jogadoras.

Dessa maneira, a empresa alinhará o time de vôlei ao projeto global chamado “Nutrindo os Sonhos dos Jovens”, que a Nestlé lançou na Europa em 2013, mas que chegou ao Brasil apenas em 2015. Trata-se de um plano de capacitação de jovens, com investimentos na qualificação de profissionais que ingressam ao mercado.

Na prática, isso se concretizará em uma equipe com menos nomes famosos e um maior aporte a jogadoras mais jovens. “A ideia não é criar um time de base. Nós queremos mesclar a nova geração com atletas experientes, como Dani Lins e Carol Albuquerque”, explicou o gerente de marketing esportivo da Nestlé, André Barros.

A mudança ocorre poucos meses depois de a principal jogadora do Vôlei Nestlé se manifestar publicamente sobre salários. Em abril, a central Thaísa afirmou que não aceitaria a “substancial” redução salarial oferecida pela diretoria da equipe. A atleta acabou se retirando da equipe, após oito anos de atuação em Osasco.

Ainda assim, segundo Barros, a mudança em relação aos anos anteriores é apenas no posicionamento da empresa com o vôlei. “O investimento mudou muito pouco nos últimos anos. Com a nova filosofia, parte dele passou para novas contratações, e alguns nomes não puderam ficar”, afirmou à Máquina do Esporte.

Agora, o principal nome do time e apontada como “mentora” das mais jovens no projeto será Carol Albuquerque. Além disso, o time trouxe novos nomes para a comissão técnica, com o objetivo de desenvolver as atletas mais jovens. 
 

Tags: Serviços