Canal
Esportes

Conheça a Lost House: a nova casa conceito da Lost

Por: Assessoria 11 de Maio de 2017

Depois de alguns anos com a ideia no papel, a Lost, marca californiana referência no universo de surf, resolveu realizar um grande sonho: um casarão de frente para o mar inteiro personalizado com a sua identidade, em um dos melhores picos para a prática do esporte no litoral norte de São Paulo.

Localizada em Maresias - São Sebastião, a Lost House pretende ir além das experiências com as pranchas; o planejamento interno prevê atividades que façam do QG um verdadeiro polo cultural. Estrutura de treino para atletas patrocinados, festas abertas ao público, shows de rock, datas especiais para crianças carentes e institutos locais, test drive de pranchas, entre outras ações,  prometem fazer da casa um escritório da marca na praia.

No último final de semana, as garotas da Brasil Surf Girls (foto ao lado) – projeto que reúne surfistas do Brasil inteiro numa sede no Rio de Janeiro – foram as convidadas da vez, e puderam desfrutar de três dias na casa regados com muito surf, experiências gastronômicas e uma festa particular. Durante a semana seguinte, os atletas Alex Ribeiro e Dávio Figueiredo ficaram na casa para treinar e fazer sessões especiais de foto.

A expectativa da empresa é que o projeto dure três anos, em comemoração aos 25 anos de história da marca. A casa é a abertura oficial do projeto. Para Tatiana Rovella, marketing manager da marca, o grande objetivo do projeto é promover experiência de marca e produto.

“Queremos mostrar aos consumidores que a Lost está de volta à sua essência, às suas raízes do surf”, afirma ela. Já para Viviane David, responsável pelos desenhos das coleções, a Lost House é a versão brasileira da casa feita em San Clemente, na Califórnia, em 1992. E a ideia é não ter regras. “A Lost House é o que quer que você ache que é”, finaliza ela.

Em parceria com a Agência Just! Live, especializada em live marketing, a casa foi toda reformada e cenografada de acordo com o DNA da Lost, priorizando pessoas da comunidade local para a parte de mão de obra e serviços. A concepção envolve muito surf, punk rock, festas e arte. A expectativa é que a house receba ao menos um grande evento por mês, sempre variando os temas e os públicos, com ativações diversas.  
 

Tags: Esportivo | Serviços | Cultura | Profissional de Mídia | Hotel