Canal
Esportes

Chefe de marketing da F1 quer focar em experiência de fã

Por: Motorsport 3 de Março de 2017

Sean Bratches, profissional veterano do marketing esportivo, disse que as oportunidades para promover a Fórmula 1 eram "simplesmente enormes" e que o foco em produtos digitais era a chave para um maior envolvimento dos fãs.

"A base disto, se você descascar tudo em volta, é que cada coisa que estamos fazendo tem que girar em torno do fã", disse ao Motorsport.com.

"O fã está no centro de todas as nossas teses em termos de condução deste esporte, porque se estamos fazendo o melhor trabalho que podemos é para servir os fãs, tanto os já existentes quanto aos novos."

"Esse envolvimento pode vir de um patrocinador, do detentor dos direitos, das equipes ou dos pilotos. E isso é fundamental para a forma como estamos olhando para o negócio."

Bratches se recusou a dar detalhes sobre como o Grupo cumpriria seus objetivos, mas sugeriu que uma colaboração mais próxima com os pilotos. Facilitar a promoção da F1 por meio de seus próprios canais de redes sociais era uma óbvia oportunidade de crescimento.

"Eu vejo os pilotos como um de nossos ativos mais fortes em termos de comunicação, celebrando sucessos e ampliando controvérsias", disse ele. "E nós podemos realmente ajudá-los a fazer isso."

"Tomando Lewis Hamilton como um exemplo, ele tem esse tipo de relacionamento inalienável com fãs em todo o mundo que transcende o esporte."

"Mas nós não estamos dando a ele as ferramentas para nos aproveitarmos disso. Queremos ajudá-lo."

"Eu almocei com Lewis, conversamos sobre isso e estamos 100% alinhados em termos de sua importância e como podemos trabalhar juntos."

Bratches disse que a Fórmula 1 foi "deixada para trás" pela revolução das comunicações digitais na última década, mas prometeu trabalhar para mudar isso.

Tags: Fashion Week | Serviços | Profissional de Mídia