Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Pepsico testa carroceria construída com material reciclável

Por: Leandro Lima . 11 de Janeiro de 2022

A Pepsico anunciou esta semana um protótipo de carroceria de caminhão sustentável, feita com plástico reciclado, mais especificamente de BOPP e garrafas PET, materiais usados nas embalagens de salgadinhos e refrigerantes de suas marcas.

Para a fabricação da carroceria, as embalagens de BOPP e PET passaram por processo químico que, misturados a outros componentes, reduzem a quantidade de fibra de vidro utilizada na fórmula original.

Veja também: ESG já é realidade mas ações de marketing distorcem o conceito original

Este material passou por diversos testes a fim de assegurar sua segurança e durabilidade, entre eles o de envelhecimento artificial estimado em 10 anos, elasticidade e condução de calor, obtendo resultados positivos e demonstrando a possibilidade de utilizá-lo em larga escala em sua frota.

Esta ação dá sequencia aos planos da PepsiCo para investir em uma frota cada vez mais sustentável. Em junho de 2021 a empresa anunciou a compra de a compra de 20 caminhões elétricos e cinco movidos a GNV para reforçar sua frota sustentável.  

Dezenove veículos elétricos são da JAC Motors, modelo iEV 1200T, do qual a empresa já havia adquirido dez unidades em 2020 e um da Volkswagen, modelo e-Delivery11, primeiro caminhão elétrico 100% nacional.  

Os 5 veículos movidos a GNV (gás natural veicular), ou gás biometano, são da SCANIA do mesmo modelo que a companhia adquiriu 18 caminhões no ano passado.

A empresa foi a primeira a usar caminhões movidos a gás natural e umas das pioneiras no uso de caminhões elétricos em sua frota, o que reforça o seu compromisso com a mitigação dos impactos causados pelas emissões de CO2 na atmosfera e com a sustentabilidade em toda sua cadeia de valor.  

A parceria da PepsiCo com a Scania tem como propósito tornar sua cadeia logística mais sustentável, colaborando para atingir a metas globais das emissões totais de CO2 até 2030. A iniciativa se soma a outras como investimentos em veículos elétricos e projeto-piloto com energia solar.  

"Aqui na área de transportes da PepsiCo estamos cada vez mais atentos a essa necessidade de mudança para uma frota mais sustentável. Ações como essa reforçam o nosso compromisso com a sustentabilidade e com a economia circular do plástico, material para o qual buscamos alternativas para que não se torne lixo. Nossa meta com o projeto de carroceria sustentável pretendemos reciclar aproximadamente 5 toneladas de plásticos em um ano.” afirma Anderson Pinheiro, Diretor de Transportes da PepsiCo Brasil.

Tags: sustentabilidade alimentos pepsico reciclagem refrigerantes