Canal
Brand Experience

Após casos de assédio, Suécia terá festival de música só para mulheres

Por: Assessoria 6 de Julho de 2017

A edição de 2018 do Bravalla, o maior festival de música da Suécia, foi cancelada por conta de quatro estupros e 23 denúncias de abuso sexual ocorridas no evento, no último fim de semana.

Diante do problema recorrente, a apresentadora de rádio e comediante sueca Emma Knyckare sugeriu a criação de um festival apenas para mulheres.

Em seu Twitter, ela escreveu: "O que vocês acham de criar um festival em que apenas seres 'não-homens' possam entrar? Ele poderia acontecer até que todos os homens aprendam a se comportar direito."

Tratando-se de internet, obviamente Emma recebeu críticas. Por outro lado, a comediante conseguiu o que queria. "O primeiro festival de rock sueco sem homens acontecerá no próximo verão", anunciou ela em seu Instagram após um dos organizadores do evento curtir sua ideia.

"Nos próximos dias, vamos reunir um time de organizadores para planejar o evento", disse um dos responsáveis pelo Bravalla.

Crimes de natureza sexual já tinham sido relatados durante a edição do ano passado, em que a polícia registrou cinco denúncias de estupro. A banda britânica Mumford and Sons chegou a pedir garantias de segurança das mulheres após se apresentar naquela edição.

Tags: Espaço Físico | Responsabilidade Social | Evento Convenção