MICE BUSINESS

MICE BUSINESS

3 dicas para melhorar a experiência de transmissão online de um evento

3 dicas para melhorar a experiência de transmissão online de um evento

Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por
); ?>


27 de Março de 2022

Com o avanço da vacinação, alguns eventos presenciais estão sendo retomados, mas o formato online, que teve um crescimento de 400% na pandemia, deve continuar como tendência. Segundo pesquisa do LinkedIn realizada em 13 países, incluindo o Brasil, mesmo em um futuro sem restrições sanitárias, 42% dos eventos devem continuar virtuais, ainda que parte deles de forma híbrida, e apenas 31,5% serão feitos exclusivamente no formato presencial.

E nesse cenário, vem ganhando força o marketing de experiência, uma estratégia que usa transmissões ao vivo para oferecer experiências diferenciadas aos consumidores, inclusive sensoriais, e engajá-los com as marcas, gerando também conversões de venda em tempo real.

Leia também: Guerra na Ucrânia: impactos nos eventos para os próximos meses

“Um bom live marketing estreita o relacionamento da marca com o público, fideliza clientes, fortalece a imagem e a reputação da marca e ainda traz como resultado final mais vendas. Mas para que isso aconteça, há cuidados importantes na organização desse tipo de ação”, ressalta Leandro Reinaux, CEO da Even3, startup que simplifica a organização de eventos online e que registrou um crescimento de quase 350% em 2021.

De olho nessa tendência, Leandro separou três dicas que podem melhorar a experiência de uma transmissão online em um evento.

1- Escolha a plataforma certa

Opte por uma plataforma segura, de qualidade, que tenha todos os recursos necessários e veja se ela atende as especificidades da sua ação. Algumas trazem a opção de personalizar a página de transmissão do evento. No live marketing, a escolha da plataforma é um dos passos mais importantes. “É preciso se antecipar e imaginar como o público irá se comportar e reagir às estratégias de engajamento planejadas. A plataforma precisa conversar com o público, para que ele possa vivenciar a experiência oferecida em sua totalidade”, orienta o CEO.

Escolha a plataforma, estude o público e promova engajamento, ensina Leandro Reinaux

2- Estudo seu público

O live marketing trabalha com emoções, sensações e contato direto do público com a marca, seus produtos e serviços. Para alcançar esse objetivo, é preciso conhecer bem o público alvo da ação. E por isso o evento começa muito antes da data. “É interessante criar uma persona para identificar realmente quem se quer atingir na estratégia de divulgação e engajamento. Tendo identificado o público alvo, fica mais fácil elaborar peças de divulgação atrativas e assertivas e definir as ações de engajamento que serão realizadas durante a transmissão”, explica o especialista.

3- Engaje o público

No live marketing, as pessoas são atraídas por novas experiências, capazes de entregar valor. Uma famosa marca de donuts, por exemplo, transmitiu ao vivo a produção do doce em sua cozinha e ainda confeccionou para o público um grande bolo de casamento em forma de donut. O vídeo teve mais de 30 mil visualizações e aguçou o desejo de consumir o produto. “É preciso entender seu público, para então poder definir ações de engajamento que realmente prendam a atenção dessas pessoas e façam com que elas se sintam mais próximas da marca, fortalecendo essa relação”, finaliza Reinaux.

Tags: eventos plataforma experiencia evento-hibrido mice-no-promoview transmissao-online