PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Daniella Cicarelli estrela campanha da Vórtx

Daniella Cicarelli estrela campanha da Vórtx

Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por


23 de Fevereiro de 2022

A Vórtx, uma empresa criada com a intenção de descomplicar o mercado de capitais, está lançando nesta semana sua segunda grande campanha de comunicação.

Depois do lançamento da ação de rebranding no ano passado, a fintech de infraestrutura para o mercado de capitais, que conta com mais de meio trilhão de ativos em sua plataforma, está transmitindo, desde ontem, a campanha Consulta Formal 4.0, protagonizada pela apresentadora, atleta e investidora Daniella Cicarelli.

Leia também: Neymar recebe a chave do Batmóvel

Com duração de 3 meses, a campanha tem um filme para TV paga (GloboNews), mídia on-line (LinkedIn, Instagram, YouTube) e influenciadores.

A Consulta Formal 4.0 tem o objetivo de sanar uma das grandes dores da indústria de fundos.

“A realidade é que para poder avançar em algumas decisões, o gestor de fundos precisa obter a aprovação dos cotistas, que acontece por meio de Assembleias Gerais e as chamadas Consultas Formais. Essa comunicação com os cotistas, inicialmente, acontecia apenas por meio de cartas, evoluindo para o e-mail e, mais recentemente, via aplicativos em algumas casas”, revela Juliano Cornacchia, CEO da Vórtx.

“Em alguns casos, dada a complexidade do procedimentos, a quantidade de cotistas, como em fundos imobiliários, e a falta de conhecimento dos investidores, os fundos não conseguem o quórum necessário para as aprovações. Enquanto do outro lado, dada a complexidade da comunicação dos investidores com os gestores dos seus fundos, os investidores acabam não participando das decisões mais importantes dos seus investimentos” detalha ele.

“Vimos aí uma oportunidade de descomplicar essa relação: resolvemos inverter o caminho das coisas, em vez de levar o investidor para baixar mais um aplicativo (no meio das dezenas de aplicativos que nós já temos no nosso celular) ou para um login em uma plataforma complexa via web, optamos por levar a consulta formal dos fundos que administramos até o investidor, ou seja, no WhatsApp. Uma plataforma democrática que todo mundo sabe operar e que já faz parte da vida das pessoas. Agora, todos os fundos que possuem a Vórtx como administradora podem oferecer aos seus cotistas a oportunidade de responder a Consultas Formais por meio do WhatsApp”, conclui Juliano.

“A campanha contribui para o nosso posicionamento de vetor de transformação e inovação do mercado de capitais, e ainda com nosso propósito de descomplicar, em um formato inusitado que traz humor para o segmento com um storytelling diferente do comum. Além disso, ter a Daniella cria uma identificação com o investidor que assim como ela, vive recebendo comunicados e, poucas vezes, de fato interage com o fundo do qual é cotista. Queremos provocar uma mudança positiva de comportamento no investidor, contribuindo para que ele tenha mais ciência das decisões sobre seus investimentos e com isso trazer mais resultados para o gestor”, ressalta Rodrigo Cerveira, CMO da Vórtx.

Cicarelli não foi escolhida por acaso, ela própria é, na verdade, uma investidora do mercado de capitais.

“Quando tomei contato com o propósito da Vórtx como um todo e com a proposta da Consulta Formal 4.0, identifiquei-me na hora. Eu, como investidora, vivo recebendo correspondências e raramente participo das decisões por conta da complexidade. Agora, pelo Whatsapp, eu mesma serei muito mais ativa”, afirma Cicarelli.

Cerveira ainda revela que a campanha conta com presença nas redes sociais da modelo além de uma ação com influencers, como o Faria Lima Elevator, famoso entre os usuários das redes sociais pelo modo bem-humorado com que trata sobre o universo financeiro, usando memes e fazendo o papel de um “Faria Limer”.

“Nosso objetivo é contribuir ativamente para um mudança no comportamento do investidor brasileiro, e isso significa chegar onde ele está, inclusive no Instagram”, completa o executivo.

A Consulta Formal 4.0 funciona para qualquer tipo de fundo que precisa realizar essa comunicação com seus cotistas, não importa se for imobiliário, de ações, multimercados, entre outros.

“O recurso facilita o trabalho do gestor, que passará a ter uma maior participação de seus cotistas nas decisões do fundo, e do investidor, que terá mais praticidade para votar. Enquanto os investidores votam do seu celular de qualquer lugar do globo, os gestores, por sua vez, acompanham a votação em tempo real na nossa plataforma. Ou seja, se de um lado é facilidade para o investidor, do lado gestor é controle e informação em tempo real na sua mão”, completa Cornacchia.

“Vale destacar, ainda, que no final do ano passado, a CVM também autorizou o uso de consulta formal para operações de securitização (Resolução CVM Nº 60, de 23 de Dezembro de 2021). Embora a norma só entre em vigor em maio deste ano, nós já estamos prontos por aqui para usar a mesma sistemática nessas operações. Assim que for autorizado, os investidores desses papéis também passarão a poder votar pelo Whatsapp”, conclui o CEO. 

Tags: campanha celebridades mercado-financeiro fintechs daniella-cicarelli