LIVE MARKETING

LIVE MARKETING

MWC 2022 recebe 60 mil participantes

MWC 2022 recebe 60 mil participantes

Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por


7 de Março de 2022

Durante os quatro dias de evento, o Mobile World Congress (MWC) contou com a presença física de mais de 60 mil participantes, de cerca de 200 países e territórios, de acordo com os dados da GSMA, responsável pela organização do evento.

O MWC é famoso por reunir a indústria móvel e trazer em primeira mão as tendências que moldarão os anos a seguir e teve como destaque assuntos como o potencial do metaverso, a convergência do mobile e a revolução nas indústrias com o 5G.

Leia também: Globo inicia divulgação do gexperience

Para esta edição, o MWC apostou de novo no formato híbrido. Mas ocorreu um aumento representativo na quantidade de profissionais que compareceram presencialmente.

No ano passado, o evento contou com a presença de somente 20 mil pessoas presencialmente.

Conforme os dados revelados pela GSMA, o evento serviu como vitrine para mais 1.500 expositores, palestrantes e parceiros.

Nos mais de mil palestrantes, 97% estiveram presencialmente no evento e 36% eram mulheres.

Por outro lado, a composição do público que compareceu ao evento foi composta em 50% por diretores e executivos C-level, 20% CEOs e fundadores, e 25% mulheres.

Como se não bastassem os 60 mil visitantes presenciais, o MWC teve a presença de 500 mil participantes virtuais diários.

A distribuição global foi realizada pela Mobile World Live e a iniciativa teve a participação de 1600 jornalistas.

Muito mais do que juntar a indústria móvel e concretizar negócios, o MWC também desempenha um papel relevante para a economia de Barcelona, cidade em que o evento é realizado.

De acordo com uma análise prévia, a feira gerou mais de € 240 milhões para a economia local e criou mais de 6.700 empregos de meio período.

Uma vez que este ano o ESG permanece como uma questão de extrema importância para as empresas, o evento foi novamente carbono neutro.

Depois de dois anos de cancelamentos e adaptações e, graças ao desempenho em Barcelona, a GSMA está preparada para entregar a série completa de eventos da indústria móvel neste ano.

A próximo edição, o MWC Shangai, ocorre entre 29 de junho e 1º de julho, em seguida acontece a primeira edição do MWC Las Vegas entre 28 a 30 de setembro e, finalmente, o MWC África entre 25 e 27 de outubro, que fará sua primeira edição presencial desde 2019.

A edição de Barcelona aconteceu durante a mesma semana em que o conflito Rússia-Ucrânia ficou ainda mais complicado.

A organização do evento já tinha soltado uma nota, onde dizia condenar veementemente a invasão russa da Ucrânia, mas se posicionou uma outra vez.

“Como a indústria móvel se reuniu esta semana no MWC22, nossos pensamentos estão com aqueles que sofrem dificuldades e perdas. Empresas, governos e indivíduos estão lutando com maneiras significativas de ajudar, mesmo enquanto o conflito continua a aumentar. Muitos de nossos membros estão respondendo facilitando a comunicação com os entes queridos e atendendo às necessidades humanitárias”, concluiu a GSMA.

Tags: setor-de-eventos live-marketing mobilidade global-experiences