ESG

ESG

Samsung Electronics tenta diminuir a poluição marinha

Samsung Electronics tenta diminuir a poluição marinha

Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por


8 de Abril de 2022

Todos os anos, vários organismos marinhos morrem depois de ficarem presos nas redes de pescas jogadas fora no mar. Neste contexto, o planeta vem lidando com outra realidade cruel na forma da escassez de água cada dia mais grave por conta do aquecimento global

Mas e se fosse possível envolver a inovação para ajudar no restabelecimento do ecossistema marinho e na preservação da água?

Leia também: Ambev e WestRock fazem acordo pelo meio ambiente

A Samsung Electronics levantou as mangas para enfrentar a questão da poluição marinha que ameaça a segurança da humanidade e do meio ambiente. As ações da empresa direcionadas à preservação ambiental incluem a reciclagem de plásticos que seriam descartados no oceano localizados a 50 km da costa e a utilização de materiais reciclados na produção de monitores de alta resolução e dos dispositivos Galaxy.

Além disso, a empresa está aplicando uma tecnologia para o tratamento ecológico de água nas unidades de produção da Divisão de Soluções Digitais, que reduziu de maneira significativa o consumo de água através do reuso de uma quantidade equivalente ao consumo total de duas milhões de pessoas em um período de seis meses. 

Ações como essa mostram o compromisso assumido pela Samsung para a conservação da água.

Confira o infográfico abaixo para descobrir como a Samsung está reduzindo a poluição marinha ao transformar estes plásticos que seriam descartados no oceano em peças de monitores e dispositivos móveis, incluindo smartphones, e ao purificar as águas residuais nas unidades de produção de semicondutores.

Tags: sustentabilidade meio-ambiente samsung preservacao