ESG

ESG

Noruega quer liderar ação climática internacional em países emergentes

Noruega quer liderar ação climática internacional em países emergentes

Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por


16 de Julho de 2022

O governo da Noruega, com a intenção de conciliar o desenvolvimento e as políticas climáticas que priorizam a preservação de ecossistemas, pretende assumir a liderança internacional no investimento e desenvolvimento de energia renovável e tecnologia climática em países com economias em desenvolvimento.

De acordo com a Embaixada da Noruega no Brasil, o país nórdico, que planeja liderar as ações climáticas internacionais em prol da sustentabilidade, já têm ações no Brasil e em outros países que têm pro objetivo o desenvolvimento de tecnologia para captura e armazenamento de carbono e de fontes de energia renovável, a promoção da “navegação verde” e ações que visam oceanos mundiais mais sustentáveis.

Leia também: Novabrasil é a primeira rádio brasileira a receber ‘Selo IGUAL

No Brasil, o investimento norueguês em energias renováveis representa 4% do total investido no setor energético, uma tendência que, segundo a Embaixada, possui tendência de aumento nos próximos anos.

Além disso, os projetos direcionados à inovação levaram à duplicação do número de empresas norueguesas no Brasil que trabalham com energias renováveis, conforme o Relatório de Investimentos noruegueses no Brasil, publicado no ano passado.

O país nórdico também atua no apoio a projetos de associações indígenas e organizações indigenistas que têm por meta sobretudo a conservação das florestas nativas e o investimento em inovação e pesquisa.

A Noruega está posicionada em um momento de transição verde, em que se, por um lado, ainda conta com grande produção de petróleo e gás natural, por outro, está em constante busca por alternativas mais sustentáveis e limpas.

No país, 80% das emissões domésticas estão sujeitas a um preço sobre o carbono e uma das metas relacionadas à proteção do meio ambiente até 2030 é a de redução de 55% das emissões de carbono, em comparação ao ano de 1990.

“A Noruega é um exemplo na área da sustentabilidade. Para além de um discurso, o país está mostrando que é possível ter práticas mais sustentáveis e é uma inspiração para diversos países, inclusive o Brasil", apontou Karina Oliani, ativista ambiental e médica.

Karina apresenta o quinto episódio da websérie “Essências da Noruega”, campanha realizada no Instagram da Embaixada da Noruega do Brasil, divulgada no Promoview em maio e que trata dos pilares do país escandinavo.

O novo episódio com lançamento em 15 de julho, são debatidas as diferentes iniciativas sustentáveis que a Noruega tem implementado, no próprio território e no Brasil, um parceiro, considerado pela Embaixada, estratégico na conservação dos ecossistemas do planeta.

Os episódios anteriores sobre Governança, Igualdade de Gênero e Diversidade, Tecnologia & Energia Sustentável e Cultura e Hospitalidade também estão disponíveis no Instagram da Embaixada da Noruega no Brasil.

Tags: meio-ambiente noruega sustentabilidade