LIVE MARKETING

LIVE MARKETING

A nova dinâmica dos eventos presenciais

A nova dinâmica dos eventos presenciais

Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por
); ?>


5 de Fevereiro de 2022

Eventos são encontros de comunidades. E nestes últimos 24 meses tem sido mais fácil estas comunidades se encontrarem virtualmente do que presencialmente. Aconteceu recentemente em Las Vegas o evento CES , que deixou de ser um evento focado em eletrônicos para ter um posicionamento bem mais amplo focado em inovação. 

Leia também: Extinção ou Renascimento?

Ponto para os gestores! Um evento que já chegou a atrair quase 200 mil pessoas tem que saber se posicionar de acordo com o meio ambiente em que está inserido para continuar sendo RELEVANTE!

No ano passado foi 100% virtual ( na edição de 2020 estive presente fisicamente) e neste ano voltou a ser presencial. Como é o primeiro grande evento do ano, mais ou menos define a “música” que será tocada pelos outros grandes eventos do ano. Vamos a análise:

AUDIÊNCIAS MENORES E MAIS QUALIFICADAS – esta será uma tendência geral para o ano de 2022 (com certeza mais forte no 1º semestre). Porém os organizadores precisam mudar as suas narrativas urgente. Não é para falar que foi MENOR. É para só falar que foi muito QUALIFICADO e sobre a relevância do que foi/será discutido lá e quem irá/estava presente!

Quem tem interesse e é relevante (nível hierárquico e decisório) sempre achará agenda se o evento/assunto for relevante. Para ver mais do mesmo eles mandam o estagiário(a)!!

RESPEITO TOTAL AOS PROTOCOLOS – não tem jeito, vieram para ficar. OMS deve mudar o status de PANDEMIA para ENDEMIA. Mas endemia também pede respeito aos protocolos

Na CES tiveram um protocolo “esquisito” em relação a como as pessoas se sentiam em relação ao seu espaço físico ( VEJAM A FOTO QUE ILUSTRA ESTE ARTIGO PARA ENTENDER), mas para mim essa função de explicitar a segurança será ponto fundamental. RECUPERAR A CONFIANÇA de todos os envolvidos continua sendo a maior missão do setor no ano de 2022.Simples assim!

RELEVÂNCIA,RELEVÂNCIA,RELEVÂNCIA!! – essa é a regra para qualquer gestor de qualquer tipo de evento, seja o evento presencial, virtual ou híbrido. Encontrar tempo na agenda das pessoas e das empresas só acontece quando existe relevância! Fazer evento para mostrar um power point que elas poderiam receber por email NÃO DÁ MAIS!

Conhecer a comunidade que se reunirá é tudo o que você precisa fazer. Atuar como CATALISADOR DESTA COMUNIDADE é a sua função básica. Atravessar o mundo para pegar uns folhetos e trocar uns cartões de visita será uma atividade de “museu” (se é que já não é agora!). A tecnologia é aliada, não inimiga!!

INTERAÇÕES/CONEXÕES/COMPARTILHAMENTO – estes são os verbos que os catalisadores de comunidades precisam conhecer e atuar. E fazer tudo isso de forma experiencial e utilizando os cinco sentidos humanos o manual básico!  Events for Dummies...é o livro de cabeceira!!

e para deixar bem claro: #somosgregários #eventospresenciaisforever, #colaboraçãoéanossapraia, #futurohíbridovirtual #eventosaoseguros #futuroseguro
Afinal o LIVE MARKETING não é para os fracos!

Tags: Marketing mercado setor-de-eventos melhores-da-semana