LIVE MARKETING

Hoje F.O.G.O. Logo F.O.M.O.


2 de Abril de 2021

Eventos são encontros de comunidades. Serão híbridos em breve. Este “hibridismo” vai oferecer possibilidade de expansão das audiências e não será um substituto aos eventos presenciais. Será um complemento tecnológico muito útil.

Afinal, somos humanos, e ficar o dia todo olhando uma tela não é o desejo de muitos. Mas hoje estamos “inseguros”. Insegurança sanitária, medo de infecção por um vírus. Medo de morrer. Hoje nosso sentimento é F.O.G.O. FEAR OF GOING OUT (em inglês) ou medo de sair de casa em uma tradução livre.

Quem organiza eventos sabe que este é um péssimo sentimento. Paralisa as ações. Paralisa tudo. Em especial as empresas hoje regidas por compliance, neste caso, não só paralisa hoje, mas também as decisões futuras. 

Ninguém organiza evento corporativo presencial como agenda um zoom. Fato. E se planejamento é uma das regras básicas de quem organiza eventos, imagina....

No mundo B2B as decisões para eventos presenciais estão “travadas” e precisam de muita vacina para se alterarem positivamente. 2º semestre estará melhor? Provável...

Muita coisa no mundo B2B aconteceu virtualmente, e funcionou. Os mercados não param. Ou seja o F.O.G.O. está gerando uma situação de NÃO decisão somente em relação aos eventos presenciais. A distância tudo bem. Afinal a tecnologia está aí para ajudar.

Já no mundo B2C estamos ansiosos. Aguardando que nos liberem para sair... E logo desejaremos acompanhar tudo como sempre fizemos, sentindo F.O.M.O. FEAR OF MISSING OUT (em inglês) ou medo de perder o que está rolando em tradução livre.

Ninguém quer ficar o dia todo conversando com uma tela, não é mesmo? Zoom, Teams, Webex & cia funcionam muito bem, mas nada como uma “aglomeração” com os nossos amigos. 

O poder das aglomerações. Musicais, esportivas, culturais. Você escolhe! A importância dos “Rituais” como já disse Yvuval Harari no best-seller “Sapiens”. Leia!

E para deixar claro:

SOMOS GREGÁRIOS, #eventospresenciaisforever, #colaboraçãoéanossapraia.

Afinal o LIVE MARKETING não é para os fracos!

Tags: artigo | live-marketing | Paulo-Octavio-Almeida | p-o