LIVE MARKETING

Antes do Web Summit – A preparação - Capítulo 1


1 de Novembro de 2021

Eventos são encontros de comunidades. E se tem uma comunidade que eu acompanho de perto é a comunidade da tecnologia. 

Meu raciocínio é o seguinte: Se empresas de tecnologia são usuários de eventos presenciais tem algo de revelador né? Com toda tecnologia do mundo à disposição, estas empresas organizam muitos eventos presenciais e acredito que a partir de agora serão híbridos por razões óbvias. 

Neste sentido, o evento Web Summit é para mim uma referência não só no setor de tecnologia como também no setor de eventos. Acontece nesta semana em Lisboa e espera atrair 40 mil pessoas presenciais. 

Paddy Cosgrove (Foto: Reprodução).

Em 2019, última edição presencial foram 70 mil participantes. Em 2020 foi 100% virtual. Agora, em 2021, presencial com algumas ações on-line. 

Para mim, este evento é tão relevante que peguei um avião para fazer a minha 1ª viagem internacional em 2 anos e estou escrevendo direto de Lisboa. Mas evento grande se você não se preparar vai ficar parecendo “barata tonta”! E “barata tonta” em Euros eu diria que não é uma boa escolha nos dias de hoje.

Primeiro: A decisão de ir: Quando tomei a decisão de viajar, Portugal não estava aceitando turistas do Brasil. Não existiam voos entre os 2 países. Comprei on-line e a passagem então foi bem acessível. Idem hotel. Tinha milhares de ofertas a preços reduzidos. 

Lógico que tudo isso mudou quando anunciaram a abertura das fronteiras. Mas como em evento planejamento é tudo, acho que me dei bem me antecipando às medidas alfandegárias. Outro ponto é que Portugal está na lista TOP 5 no mundo com o índice de vacinação da população completa. Então senti a tal da “segurança sanitária” tão necessária para a retomada dos eventos.

Segundo: A preparação para ir: Resolvi participar de uma missão organizada pelo Institute of Tomorrow para facilitar as coisas e me aprofundar na agenda de contatos. Contato feito meses antes também. Daí foi baixar o app e começar a navegar nas palestras que vão acontecer.            

É conteúdo relevante para todos os lados e horas. Se você não tiver um objetivo ou uma meta vai ficar difícil se preparar. O meu objetivo? Conhecer todas as startups relativas ao setor de eventos (as Eventechs). 

Objetivo definido, vamos aos contatos!  Antes do evento já tinha entrado em contato com todos via app do evento. Ou seja, o evento começa antes do evento. Quem se planeja aproveita mais!

Terceiro: A participação: Com os contatos feitos ante, identifiquei 11 startups de diversos países diferentes para conversar e me aprofundar, terei reuniões presenciais com todas elas durante os 3 dias do evento. Tem que usar tênis e beber muita água, pois caminhar é preciso!

Pretendo fazer visitas fora da programação do evento para conhecer o ecossistema de startups de Portugal (o Vale do Silício da Europa?) e porque não encontrar pessoas de forma não planejada em diversas ocasiões sociais e profissionais que me agendei para participar.                

A palavra inglesa que define isso é 'serendipity' (o acaso). Participar de um evento é muito mais do que só o evento em si. Encontrar pessoas que você não tinha pensado em encontrar é um bônus que, por enquanto, só os eventos presenciais entregam. Somos Seres sociais!

O Web Summit nesta semana será um dos maiores eventos presenciais pós-pandemia a acontecer na Europa. Lembrando que nesta semana acontecerá também a COP 26 em Glasgow na Escócia e este será também outro grande encontro presencial. 

Tema e audiência totalmente diferentes, mas super-relevante. Uma pena acontecerem na mesma semana. Mas aí fica outra lição. O F.O.M.O. pós-pandemia nós precisamos saber controlar. 

Com quase dois anos de eventos cancelados e adiados, mais a programação normal, vai faltar agenda para participar de tantos eventos presenciais. 

Definir suas prioridades e se planejar são as regras de ouro na minha opinião. Semana que vem eu conto como foi o meu Web Summit 2021.

Para deixar bem claro: #somosgregários #eventospresenciaisforever, #colaboraçãoéanossapraia, #futurohíbridovirtual #eventosaoseguros #futuroseguro

Afinal o live marketing não é para os fracos!

Tags: artigo | live-marketing | web-summit | paulo-octavio-pereira-de-almeida