DIGITAL

A nova Era do marketing


13 de Julho de 2021

Não há dúvidas, a pandemia transformou as relações de consumo em todos os segmentos, fazendo com que as empresas mudassem a sua postura, buscando atender aos pedidos de seus clientes - cada vez mais conectados e exigentes.

De um lado, por conta das medidas de prevenção contra o Covid-19, na hora das compras, os consumidores ficaram mais preocupados com a saúde, segurança e medidas de higiene oferecidas pelas empresas, dando preferência para marcas comprometidas com o coletivo.

Do outro lado, observando que esses consumidores passaram a valorizar ainda mais alguns aspectos no momento de decisão das compras, as organizações tiveram que focar, não apenas no preço e porção final do lucro, mas no valor da marca e de seus produtos perante os consumidores: O chamado marketing de propósito.

Orientado pelo objetivo de conectar as marcas com o seu público-alvo, o marketing de propósito é baseado na melhor experiência possível com a marca, ou seja, o consumidor no centro do marketing.

Atualmente, com o uso da tecnologia, é possível garantir que essa atividade seja ainda mais efetiva, garantindo que cada consumidor tenha os seus desejos atendidos.

Com a coleta de dados, é possível ainda tornar a mensagem do marketing de propósito personalizada, de acordo com gostos, rotina e preferência de cada cliente, incluindo o interesse em apoiar causas.

Ou seja, deixando de visar apenas o volume de vendas e seus lucros para as empresas, na hora de colocar o marketing de propósito em prática, é necessária uma maior preocupação em relação à experiência de cada consumidor, visando, principalmente, o consumo influenciado pelo universo digital.

Mas, como dito anteriormente, para deixar a prática ainda mais positiva, além do uso de plataformas, estratégias e tecnologia para alcançar os resultados do marketing de propósito, é necessário a mudança na postura das empresas.

Para atingir os resultados dessa estratégia, antes de colocá-la em prática, é necessário que os gestores, investidores, líderes de departamentos e toda a equipe estejam alinhados em torno do mesmo objetivo: A entrega de felicidade para os seus clientes.

Como diria Joey Reiman, da consultoria americana em marketing de propósito Bright House, “Quando uma organização consegue atingir esse objetivo, ela lucra no curto prazo, mas o mundo também lucra, até o próximo século!”.

 

Tags: artigo | marketing-digital | erica-gomes