TURISMO

TURISMO

Geografia & Turismo

Geografia & Turismo

Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por
); ?>


9 de Maio de 2022

O objetivo deste artigo é ressaltar a importância da ciência da geografia no compartilhamento dos seus fundamentos com o turismo.

Pessoalmente não quero transformar este artigo numa critica ao Turismo, ou melhor, à forma como ele é processado, porem, é difícil não ressaltar a miopia de alguns dos dirigentes do turismo, diante dos problemas que a sociedade está passando.

Ainda que esses mesmos dirigentes cada um há sua maneira possam reportar a crise à pandemia, à inflação, que é na realidade global, acredito que se a atividade tivesse gente focada, a começar pelos ministros que já ocuparam essa pasta podíamos com um olhar inovador avaliar as oportunidades deste Brasil, bastando para isso avaliar a geopolítica/turismo.

Porem, para tornar mais adverso a atividade turística, não podemos esquecer a especulação desenfreada do mercado, através dos dirigentes das atividades econômicas que transformaram destinos internos mais caros que os destinos internacionais.

Culpar o dólar a inflação e até a guerra não justifica o aumento abusivo de transportes, da hotelaria, e da restauração.

Esta é realidade brasileira que só é boa para o turismo dos especuladores.

O turismo está ligado a diversos segmentos, entre eles, o deslocamento de pessoas para lazer ou trabalho.

Um conjunto de atividades de lazer utilizadas para o descanso, para o conhecimento, o chamado turismo de consumo.

Fazendo uma síntese rápida da atividade do turismo que envolve transportes terrestres, marítimos e aéreos, hotelaria, da mesma forma o turismo cultural, religioso, gastronômico, rural e ecológico.

O novo turismo é hoje uma atividade de grande importância no aumento do consumo, na produção de bens e serviços e principalmente a necessidade de criação de novos empregos. A atividade turística é grande mola econômica da globalização, divulgando cultura, historia, tendências, roteiros, festas populares e viagens de negócios

O cartão de visita do Turismo está hoje no auge de seu reconhecimento e importância, além de contribuir para a socialização e harmonização da sociedade, através do convívio e interação de pessoas de culturas diferentes.

O que é Geografia

É a ciência do espaço geográfico no mundo das relações, da ciência dos lugares, da diversidade de espaços terrestres, uma atividade totalmente relacionada com o turismo.

Geografia é uma ciência fundamental para entender a dinâmica do espaço, ela se sustenta na diversidade das culturas e no fenômeno social, auxiliando o planejamento das ações do homem sobre o espaço físico.

Atualmente é o palco, global e social, através de uma relação estabelecida entre o homem e o meio ambiente.

Na geografia existem quatro conceitos ou categorias, que se consolidaram como: território, região, paisagem e lugar.

Agora que já determinamos o conceito das duas atividades e a importância da sua estratégia associada à Geografia e ao Turismo.

Agora vou procurar demonstrar os valores da Geografia para o Turismo e vice versa. 

No turismo já estamos convivendo com a Inovação Tecnológica na criação de ações e destinos customizados, através de experiências e vivências, eventos e portais recriando historias, e atividades lúdicas.

Na verdade é um turismo experimental apoiado na realidade virtual, um serviço quase cartográfico destinada para mapear destinos, através de ações interativas que estimulam os participantes a encarar desafios, a se superarem, a vencerem seus limites, através de experiências e vivencias online.

Antes de entrar no mérito da estratégia, acredito que uma das principais ações é avaliar a demanda do mercado, a economia, e principalmente, comportamento das empresas e seus participantes, premissas que devem ser seguidas de uma mudança comportamental, onde empresas destinos e participantes terão que se reinventar.

Nesta mudança ou neste recomeço, ressalto o Turismo de Eventos como uma das grandes oportunidades e igualmente e um dos principais agente de mudança. Dentro desta realidade e dando continuidade à nossa tese considero um evento, um congresso, como uma das principais atividades a serem recuperadas na atividade do turismo  corporativo, trazendo a reboque atividades culturais, comprometidas com o sucesso do destino, otimizando em paralelo uma série de atividades.

O mais importante neste primeiro passo é a segmentação do publico participante, e a originalidade do destino turístico, para oferecer uma experiência única, uma experiência cultural apoiada na tecnologia criativa. Estas ações pelo seu formato restrito em número de participantes podem ser a base do retorno às demandas turísticas, tudo através da porta do Turismo corporativo.

Mais que uma relação cognitiva o turismo experimental e vivencial vai além de uma ação estratégica, propiciando aos participantes uma relação de parceria e colaboração difícil de ser conseguida de outro modo a não ser fazendo, resgatando o envolvimento emocional, na imaginação e no estimulo dos sentidos, com ações e destinos customizados num mundo midiático, um mundo de comunicação sensorial.

Considerando que cada experiência remete ao conhecimento vivencial, ressalto o pensamento de Confúcio. “O que ouço, esqueço. O que vejo, lembro, o que faço, aprendo”.

Para finalizar ressalto mais uma vez a importância da geografia nas atividades turísticas no espaço real.

Um espaço chamado paisagem turística, ou lugar turístico, conceitos que são reconhecidos como pertencentes ao domínio do conhecimento da Geografia.

A maioria das atividades turísticas é desenvolvida em locais específicos da superfície terrestre onde o conhecimento de suas características geográficas é essencial.

Com efeito, conhecimentos básicos sobre localização espacial, climas, fusos horários, características físicas, socioeconômicas, políticas e culturais são fundamentais para planejar atividades e prever infra-estruturas necessárias ao desenvolvimento do turismo.

Tags: turismo geografia conteudo