Esta página pode utilizar cookies.
Warning (2): getimagesize(/uploads/2015/09/images/tim_sao_joao_do_cerrado_1.jpg): failed to open stream: No such file or directory [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 44]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Warning (2): Division by zero [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]

A TIM patrocinou a nona edição do Maior São João do Cerrado, festa realizada no último final de semana; ao lado do Estádio Abadião, em Ceilândia Sul. O evento contou com atividades relacionadas à cultura nordestina e shows de diversos artistas como Elba Ramalho e Luan Santana. 

Como parte do acordo de patrocínio, a TIM contou com divulgação em mídia para rádio, TV e internet, além de materiais serigráficos com exposição da marca e camarote para convidados.

Fotos: Divulgação.

No evento, a TIM também divulgou a nova oferta Turbo WhatsApp, que utiliza, por R$ 12,00, o aplicativo de mensagens por trinta dias para o envio de texto, áudio, video e foto, sem desconto na franquia de internet, além de um pacote adicional de 50 MB. “Este evento é uma ótima oportunidade para a gente divulgar as nossas novas ofertas de internet móvel, que contam com parcerias diferenciadas para a utilização do WhatsApp, e, dessa forma, fortalecer ainda mais a nossa imagem no segmento de dados.”, afirma Leonardo Queiroz, diretor-comercial da TIM no Centro-Oeste. 

Além de Luan Santana e Elba Ramalho, o evento contou também com a Banda Calypso, Os Gonzagas, Luan e o Forró Estilizado, Pedro Paulo e Matheus, além do cantor Israel Novaes.  

A nona edição do Maior São João do Cerrado teve ainda parque de diversões e uma praça de alimentação diversificada. “Essa foi a terceira vez que a TIM patrocinou esse evento e continuaremos investindo em eventos musicais, que possuem preços acessíveis, para democratizar cultura para toda a população do Distrito Federal”, conclui Queiroz.