Esta página pode utilizar cookies.
Warning (2): getimagesize(/uploads/2017/09/images/Setembro_2017/21.09/Inframerica_busca_expandir_negocios_em_evento_que_reune_mais_de_700_aeroportos_de_todo_o_mundo.jpg): failed to open stream: No such file or directory [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 44]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Warning (2): Division by zero [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]

Entre 23 e 26 de setembro, a cidade catalã de Barcelona, na Espanha, recebe o World Routes 2017 e reúne 300 companhias aéreas, 700 aeroportos, 110 países e mais de 3.000 profissionais do setor de aviação. A Inframerica, concessionária dos Aeroportos de Brasília e Natal, participa do fórum com o objetivo de atrair mais voos para os terminais brasiliense e potiguar.

O evento proporciona aos gestores da aviação a oportunidade de estar frente a frente com as principais companhias aéreas do mundo, além de clientes e fornecedores, facilitando a expansão de negócios entre empresas. Em conversas rápidas, profissionais do setor apresentam seus projetos e discutem sobre o mercado. A reunião de tantas empresas e profissionais é uma ocasião para que se desenvolvam novas rotas entre aeroportos e se amplie a ligação entre as cidades e países.

Esta é a sexta vez consecutiva que a Inframerica participa do World Routes. Para o diretor de negócios aéreos da Inframerica, Roberto Luiz, o congresso tem grande importância porque é uma excelente chance para reforçar o relacionamento com os decision makers da indústria aérea e divulgar as oportunidades e vantagens de nossos aeroportos.

“Desde 2012 estamos presentes no World Routes e acreditamos que o evento gera impacto nas operações internacionais e na internacionalização da marca dos aeroportos administrados pela Inframerica. Esperamos melhorar o cenário da aviação e continuar contribuindo com o crescimento do setor”, afirma.